Loteria: Mega-Sena, concurso 2006: ninguém acerta e prêmio acumula em R$ 20 milhões

O sorteio 2006 da Mega-Sena, realizado neste sábado (20) em Itupeva (SP), acumulou. O valor estimado para o prêmio do próximo concurso, na quarta-feira (24), é de R$ 20 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal. Confira as dezenas sorteadas: 01- 09 -14 – 20 – 25 – 54. De acordo com a Caixa, 71 apostas …

Comente

Loteria: Mega-Sena, concurso 2006: ninguém acerta e prêmio acumula em R$ 20 milhões

Próximo concurso, na quarta-feira, poderá pagar R$ 20 milhões (Foto: Agência Brasil)

O sorteio 2006 da Mega-Sena, realizado neste sábado (20) em Itupeva (SP), acumulou. O valor estimado para o prêmio do próximo concurso, na quarta-feira (24), é de R$ 20 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal.

Confira as dezenas sorteadas: 01- 09 -14 – 20 – 25 – 54.

De acordo com a Caixa, 71 apostas acertaram a quina e vão receber R$ 31.319,78 cada uma. Outros 5.500 bilhetes fizeram a quadra e vão levar R$ 577,58 cada um.

Para apostar

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e o tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Fonte: g1.com.br

Maranhão: Seinc entrega nos próximos dias reforma do aeroporto de Bacabal

Foto: SEINC-MA

Considerados vetores para avanços no crescimento econômico e atração de novas empresas, que contribui na geração de emprego e renda, os aeroportos do Maranhão vão começar a ter suas reformas entregues. A iniciativa liderada pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), que visa a reestruturação desses espaços, que impactam também no turismo.

Nos próximos dias, a Seinc vai entregar as obras de reforma do aeroporto de Bacabal. A iniciativa conta com o apoio da Prefeitura de Bacabal, e o espaço estava fechado desde 2008 para operações de pouso e decolagem, o aeroporto recebeu serviços de reparos na estrutura de apoio, sinalização horizontal da pista, áreas verdes e manutenção de cerca patrimonial, atendendo as normas de segurança para a reabertura para as operações áreas, segundo as exigências do processo em andamento junto a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

“Nossa proposta é democratizar o transporte, turismo e fortalecer o desenvolvimento sócio econômico no estado. Bacabal teve o aeroporto totalmente reformado e em breve vamos reabrir o local para pousos e decolagens”, ressaltou Simplício Araújo.

A Seinc está à frente do projeto de implantação junto aos órgãos federais, com o intuito de acelerar a conclusão das atividades do programa. Todo o trabalho, faz parte da implantação do Programa de Aviação Regional (PIL), que visa a instalação de aeroportos em todo o país. 

Além de Bacabal, o aeroporto de Balsas está tendo a pista recuperada. Durante as obras, serão realizados serviços de manutenção corretivas e preventivas, envolvendo a recuperação da pista de pouso decolagem, táxi e estacionamento de aeronaves, manutenção das cercas patrimoniais/operacionais e áreas verdes.

O aeroporto não passava por um reparo na pista desde a década de 1980, e teve a proibição de pousos de aeronaves pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), após relatório de inspeção aeroportuária.

Balsas é uma das cidades com o Produto Interno Bruto – PIB, anual acima de R$ 1 bilhão, dado importante para que a gestão de aeroportos fosse possível na cidade.

Com a reparação, o aeroporto poderá realizar de forma plena as operações aéreas.

Carolina

Em Carolina, município estratégico para cadeia turística maranhense, já foram realizados serviços de manutenção do terminal de passageiros, das cercas e áreas verdes visando a segurança do aeródromo, além do recebimento de um carro contra incêndio de aeródromo (CCI) no valor de 1,5 milhão entregue pela SAC, e cessão de um prédio dentro do sítio aeroportuário para a instalação de uma Companhia do Corpo de Bombeiros, já entregue pelo Governador Flávio Dino.

Fonte: seinc.ma.gov.br

Pedreiras: Jovem perdeu o controle da motocicleta, colidiu contra um poste e morreu no local

Local do acidente fatal com vítima/Foto: Arquivo

Pedro Silva de Farias, 24 anos de idade, morador do Povoado Angical I, Município de Pedreiras, colidiu ontem (19) contra um poste, na Rua Manoel Trindade, próximo a AABB, e morreu no local. Na hora do acidente chovia muito.

Fotos da vítima, como sempre, ganharam as redes sociais (WhatsApp). Pedro, estaria indo para o Povoado. Em uma das fotos ele segurava um objeto, parecendo uma sacola. A pancada na cabeça pode ter sido a causa da morte.

Houve uma demora para remoção do corpo, que foi feito pela funerária Pax União, para o hospital de Pedreiras, após autorização do responsável pelo serviço funerário de Trizidela do Vale, Dionata Almeida.

Pedreiras: Secretária da Mulher foi mais uma vítima de assaltantes

Jane Glêb – Secretária da Mulher/Foto: Sandro Vagner

Jane Glêb, Secretária de Políticas Para Mulheres de Pedreiras, foi assaltada na porta de sua residência, na noite desta sexta-feira (19). Segundo informações, Jane tinha acabado de chegar de uma viagem, assim que desceu do carro do amigo, se direcionou ao portão, como estava fechado, fez uma ligação para a filha tirar o cadeado,  nesse momento foi surpreendida por um elemento alto, que estava usando uma máscara descartável hospitalar, e com um revólver em punho anunciou o assalto. A Secretária jogou o celular ao chão e correu para casa do vizinho.

O bandido ainda ameaçou as pessoas que ficaram olhando a ação. O crime aconteceu na Rua Duque de Caxias, no centro de Pedreiras.

Pedreiras: Acusado de furto foi preso na Rua Santa Luzia pela Polícia Civil

Natanael – Suspeito/Foto: Polícia Civil de Pedreiras- MA

Natanael Santana Santos, conhecido como “Dunga”, residente na Rua Santa Luzia, Bairro Goiabal, em Pedreiras, foi preso ontem (18),  pela Policia Civil de Pedreiras, que cumpriu um mandado de busca e apreensão. Dunga é acusado de furtar um estabelecimento comercial na Rua Dom Pedro, no mesmo Bairro.

Objetos que foram recuperados pela PC/Foto: Polícia Civil de Pedreiras – MA

Segundo informações do Delegado de Polícia Civil, Dr. Jânio Pacheco, após a prisão do suspeito, a PC conseguiu recuperar parte dos objetos, avaliados em cerca de R$ 500,00 (quinhentos reais), que serão devolvidos ao proprietário do estabelecimento comercial.

Minas Gerais: Família de Trizidela do Vale doa órgãos e Patos de Minas tem a primeira captação de coração e outros órgãos do ano

Carlos Alberto de Araújo – Vítima/Foto: Arquivo família

A família de um jovem de Trizidela do Vale, vítima de um grave acidente em São Gotardo praticou um gesto de nobre solidariedade ontem quinta-feira (18). A família de Carlos Alberto de Araújo Filho, 29 anos, doou todos os órgãos do jovem. A doação mobilizou profissionais de várias áreas para fazer a captação e um avião de Belo Horizonte veio até Patos de Minas para fazer o transporte. 

O avião do Governo Estadual aterrissou no aeroporto municipal por volta das 15h00. Depois disso, começou uma luta contra o tempo. A Polícia Militar foi acionada e fechou o trânsito para reduzir o tempo da locomoção. Médicos do Hospital das Clínicas e da Santa Casa, ambos de Belo Horizonte, foram escoltados até o Hospital Regional.

O trabalho durou cerca de 3 horas. Os profissionais captaram tanto o coração que é o mais sensível podendo ficar poucas horas fora do corpo bem como rins, fígado e córneas. Os órgãos foram transportados para Belo Horizonte em caixas térmicas com gelo. A bela atitude da família serve de exemplo. Mesmo enlutada pela perda do familiar, ajudará diversas pessoas.
A doação mobilizou profissionais de várias áreas para fazer a captação.

E essa solidariedade precisa ser mais difundida.  Estimativa atual mostra que 32 mil pessoas estão à espera de um transplante de órgãos no Brasil. Dados recentes também informam que há somente 36,6 possíveis doadores para cada 1 milhão de pessoas, mas o número de pacientes que realmente tiveram seus órgãos doados foi de 16,2 a cada 1 milhão de pessoas. Muitas pessoas acabam perdendo a vida por falta da doação. Nesse caso, a família ajudou a melhorar estes renúmeros e ajudar vários desconhecidos que sonham em continuar vivendo.

Fonte: patoshoje.com.br)

Segundo informações do trizidelense Dionata Almeida, popularmente conhecido como Dionata Maia, Carlos Alberto de Araújo, era filho da senhora Marlene de Lima Rodrigues Araújo, moradora da Rua do Campos, 147, em Trizidela do Vale. Diante a situação, o prefeito Fred Maia, custeou todas as despesas para o translado do corpo.

Dionata e a senhora Marlene/Foto: Reprodução

Via WhatsApp, Dionata disse como tudo aconteceu.

 

O Prefeito Fred Maia parabenizou à família pelo belo ato de solidariedade.

Peritoró: Cigano preso em Peritoró era foragido de Goiás

Fotos: Polícia Civil de Peritoró – MA

Na manhã de hoje (19), a Delegacia de Polícia de Peritoró-MA foi informada pela Polícia Civil do Estado de Goiás que um dos ciganos presos na quarta-feira (17), até então identificado por Luciano de Alem, na verdade chama-se Elias Alves Bispo, nascido em Maceió-AL, e fugiu do Estado de Goiás após cometer um homicídio na cidade de Goianira-GO.

O foragido Elias Alves Bispo estava escondido no Povoado Caxuxa, em Alto Alegre-MA, e estava com documentos falsos no Maranhão, razão pela qual foi preso em Peritoró-MA, tentando aplicar um golpe na agência do Banco do Brasil.

A Polícia Civil de Peritoró-MA deu o cumprimento formal ao mandado de prisão expedido pela justiça de Goiás, devendo o preso ficar temporariamente no Presídio de Coroatá-MA até a sua transferência.

Fotos: Polícia Civil de Peritoró – MA

As investigações prosseguem para se buscar ainda mais informações sobre os dois ciganos presos.

Com informações do Delegado de Polícia Civil de Peritoró, Dr. Fábio Cordeiro

Rio: Morre bebê de 8 meses ferido em acidente na orla de Copacabana

Maria Louise, bebê de oito meses morta em acidente – Arquivo Pessoal

Um bebê de 8 meses, ferido durante um atropelamento na orla de Copacabana, na Zona Sul do Rio, na noite desta quinta-feira, não resistiu e morreu na UPA do bairro. A menina, de nome Maria Louise, é uma das 17 vítimas do acidente, ocorrido na Avenida Atlântica.

Por volta das 20h30m, um carro desgovernado subiu o calçadão, atravessou a ciclovia e invadiu a areia da praia. O atropelamento aconteceu numa noite de intenso calor, quando a orla ainda estava cheia, e provocou pânico e desespero. Diante da cena de pessoas caídas, algumas gravemente feridas, moradores do bairro, banhistas e turistas que estavam nas imediações correram para socorrer as vítimas.

Pai da bebê morta em acidente em Copacabana – Antonio Scorza / Antonio Scorza

Daria Iasmar, de 40 anos, fez um relato dramático sobre sua tentativa de salvar a vida de Maria Louise. Ela disse ter recebido a criança de oito meses, desacordada, dos braços da avó e a levou, junto com guardas municipais, para a UPA de Copacabana. O bebê morreu após tentativas de ressuscitação.

— Primeiro, encontrei a mãe que parecia estar com a perna quebrada repetindo “meu bebê, meu bebê”. Perguntei se ela estava grávida, mas ela disse que não. De repente, a avó chegou com a criança desmaiada. Peguei no colo e segui para a UPA num carro da Guarda. Depois de 50 minutos de tentativas de ressuscitá-lo, ele não suportou. Muito triste — contou Daria, chorando.

Das 17 vítimas, nove foram levadas para o Hospital Miguel Couto, na Gávea, e outras sete para o Hospital Souza Aguiar, no Centro. Os feridos foram levados para os hospitais Miguel Couto, na Gávea, e Souza Aguiar, no Centro. O motorista, Antônio de Almeida Anaquim, de 41 anos, alegou ter sofrido um ataque epilético.

LEIA MAIS: Motorista perde controle e atropela diversas pessoas em Copacabana

A grande confusão que se formou na altura da Rua Figueiredo de Magalhães levou o Centro de Operações da prefeitura a interditar as duas pistas da Avenida Atlântica. Policias militares atuaram junto com bombeiros e guardas municipais. Mesmo com a ajuda de voluntários, uma hora depois do atropelamento ainda havia feridos em todo o trecho da praia. Duas ambulâncias foram mobilizadas, mas houve queixas de demora no socorro.

Várias pessoas foram atingidas pelo veículo desgovernado, na altura da Rua Figueiredo de Magalhães – Antonio Scorza / Agência O Globo

Sérgio Serpa e Patrícia Fonseca disseram que, na hora do acidente, estavam na praia com o filho de 8 anos. A mãe da criança comparou a situação a um pesadelo:

— Do nada, o carro invadiu a areia. Eu me desesperei e caí. Por pouco, não fui atingida. Graças a Deus, não aconteceu nada com meu filho — disse Patrícia, acrescentando que o marido foi atropelado e teve escoriações.

Segundo a Polícia Militar, o motorista alegou ter sofrido um ataque epilético ao volante.

A promotora de vendas Cristiane Lima, de 45 anos, também estava na orla no momento em que o carro perdeu o controle. Ela contou que muitas crianças que passeavam no calçadão.

— Eu estava a 10 metros do local do acidente. O impacto foi muito grande. O carro veio do nada e pegou muitas crianças que estavam na orla. Quase pegou o quiosque que fica na orla. Tinham muitas crianças gritando e chorando. Foi desesperador — disse Cristiane.

Antônio de Almeida Anaquim, na delegacia – Uanderson Fernandes / Agência O Globo

Policiais evitaram que o motorista fosse linchado. Ele seria professor de informática e morador do Leblon. Segundo o comandante do 19º BPM (Copacabana), coronel Murilo Sérgio Angelotti, e o delegado Gabriel Ferrando, da 12ª DP, Antônio alegou ter sofrido um ataque epilético.

Dentro do carro, havia uma caixa de remédio para convulsões. No IML, o motorista seria submetido a testes de alcoolemia. Há dois anos, Antônio se envolveu em outro acidente: ele pilotava uma moto que bateu na traseira de uma van, no Leblon.

Fonte: oglobo.com.br

Brasil: FPM: segundo repasse deste mês é de R$ 1,47 bilhão

Foto: Reprodução

Na sexta-feira, 19 de janeiro, as prefeituras brasileiras receberão um novo repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Com valor bruto de R$ 1,47 bilhão, o montante faz referência ao segundo decêndio do mês. Quando descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), o FPM totaliza R$ 1,18 bilhão.

A equipe de estudos técnicos da Confederação Nacional de Municípios (CNM) acompanha frequentemente as variações do Fundo. Dados coletados revelam que o segundo repasse de janeiro de 2018 teve um crescimento de 13,07%, quando comparado com o mesmo período do ano passado. O percentual não considera os efeitos da inflação.

Já a soma dos dois decêndios de janeiro deste ano registrou elevação de 11,48%. Enquanto em 2017, as prefeituras brasileiras receberam R$ 4,26 bilhões, o valor chegou a R$ 4,75 bilhões neste ano, aponta a entidade. Se a inflação for levada em conta, esses percentuais caem para 10,25% e 8,7%, respectivamente. 

O segundo repasse de janeiro é 14,08% maior do que a estimativa publicada pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) para o período. Entretanto, a Confederação recomenda cautela aos gestores municipais com as finanças, sobretudo nos primeiros meses do ano, tendo em vista que o cenário político e econômico brasileiro ainda se demonstra instável.

Acesse os valores do FPM para o seu Município aqui 

Fonte: cnm.org.br

Pedreiras: Delegado do 2º DP relata prisão do acusado de assassinar uma mulher no Mutirão

Leandro Caio Lima Damasceno- Acusado/Foto: Polícia Civil de Pedreiras – MA

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, através da 14ª Delegacia Regional de Pedreiras/MA, deu cumprimento na data de ontem, (17), ao mandado de prisão preventiva exarado em desfavor de Leandro Caio Lima Damasceno em razão do homicídio praticado contra Maria de Jesus, conhecida como Mariazinha, no dia (16), que gerou grande comoção social em toda a região de Pedreiras.

Desde a consumação do crime a Polícia Civil trabalha na colheita de elementos informativos para subsidiar o inquérito policial e, ontem (17), ofereceu representação pela prisão preventiva de Leandro Caio Lima Damasceno. O suspeito estava sendo monitorado pelas equipes da Polícia Civil e ontem o mesmo resolveu se entregar.

O acusado foi interrogado e confessou a prática criminosa. Alegou que a infração foi motivada por uma discussão com a vítima dias antes do fato criminoso, por conta do suspeito ter separado uma briga entre dois adolescentes que ocorrera dias antes.

Vale ressaltar que até o presente momento a Polícia Civil não possui qualquer elemento que indique que se trata de crime de Feminicídio, uma vez que o fato criminoso não foi motivado por qualquer razão da condição de sexo feminino da vítima, ou seja, não foi praticado no contexto de violência doméstica e familiar, nem por conta de menosprezo ou discriminação à condição de mulher.

Tudo indica que a situação versa sobre Femicídio , ou seja, homicídio praticado contra mulher.

Impende registrar que o suspeito não deverá ficar impune, haja vista que poderá ser indiciado por homicídio qualificado pelo motivo torpe, motivo fútil e com emprego de recurso que dificultou a defesa da vítima, nos moldes do art. 121, § 2º, incisos I, II e IV, do Código Penal Brasileiro além da crime de furto, previsto no art. 155 do Código Penal, uma vez que o suspeito ainda subtraiu a motocicleta da vítima para poder fugir do distrito de culpa.

Coordenaram as operações os Delegados de Polícia Civil Dr. Diego Maciel Ferreira, Lucas de Carvalho Smith e Jânio José Aragão.

Por fim, a Polícia Civil solicita a toda população que informe acerca da localização da motocicleta da vítima. A identidade do informante será resguardada.