São Luís: Governo Federal dá calote em maranhense vencedora de concurso

Estudantes vencedores do Construindo a Igualdade de Gênero (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS – A maranhense Henriqueta Evangeline Feitosa Rabelo, de 18 anos, é uma dos 24 estudantes do Ensino Médio que ganhou o concurso de redação do Governo Federal Construindo a Igualdade de Gênero e que não recebeu o prêmio anunciado: computadores e impressoras multifuncionais. Os ganhadores chegaram a participar de cerimônia em Brasília, em 2015, mas nunca nunca receberam a contrapartida prometida.

Quando participou do concurso, Henriqueta Evangeline era estudante do 2º ano do Ensino Médio. Hoje, a maranhense cursa o 3º semestre do curso de Direito da Universidade Federal do Maranhão. “Fomos até Brasília, tiramos fotos com a ex-ministra Eleonora Menicucci (da extinta Secretaria de Políticas para Mulheres – SPM), conhecemos e fizemos amizades com os outros vencedores, e recebemos a promessa de recompensa pública”,escreveu a universitária em sua página pessoal em rede social.

A estudante contou, ainda, que a informação que sempre foi passada aos vencedores era de as solicitações de compra dos computadores demorariam, e que em 120 dias, no máximo, eles entrariam em contato para eventuais dúvidas quanto ao endereço. “Tendo passado muito mais que 120, 366 dias, muitos telefonemas, e-mails, ‘tuitaços’ e ‘comentaços’ na página da SPM-PR e uma ameaça coletiva de entrarmos na Justiça”, publicou Henriqueta Evangeline.

Na época, o concurso teve 2.527 inscrições. A categoria que Henriqueta Evangeline participou teve 1.495 inscritos. Desses, 24 foram selecionados. As outras categorias foram para graduandos, mestrandos, doutorandos e escolas com projetos diferenciados. No casos destes, todos foram agraciados com a premiação prometida, segundo o governo.

Fonte: imirante.com

Brasil: Preços de remédios sobem até 4,76%

Aumento dos preços dos remédios entra em vigor hoje. Percentual máximo é de 4,76%Arquivo/Agência Brasil

O Diário Oficial da União publica hoje (31) resolução do Conselho de Ministros da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed) autorizando os índices do reajuste anual de preços de medicamentos para 2017, que variam de 1,36% a 4,76%. O aumento começa a valer a partir desta sexta-feira.

De acordo com a resolução, o reajuste máximo permitido é o seguinte: nível 1: 4,76%; nível 2: 3,06; e nível 3: 1,36%. O Cmed é um órgão do governo integrado por representantes de vários ministérios.

O Sindicato da Indústria Farmacêutica  (Sindusfarma) informou, por meio de nota, que os índices de reajuste não repõem a inflação passada, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no acumulado de 12 meses, de março de 2016 a fevereiro deste ano.

“Do ponto de vista da indústria farmacêutica, mais uma vez os índices são insuficientes para repor os custos crescentes do setor nos últimos anos”, diz a nota.

Segundo o Sindusfarma, o reajuste anual de preços fixado pelo governo poderá ser aplicado em cerca de 19 mil medicamentos disponíveis no mercado varejista brasileiro.

Fonte: Agência Brasil

Pedreiras: Vereadores Filemon Neto e Jossival Saturnino são líder e vice-líder do governo na Câmara

Mesa Diretora da Câmara de Pedreiras/Foto: Sandro Vagner

No início da sessão de hoje (30), os parlamentares tomaram conhecimento sobre a indicação do líder e vice-líder do governo na Câmara de Pedreiras, através de um ofício que foi encaminhado ao presidente Bruno Curvina, onde foram indicados os nomes dos vereadores Filemon Krause de Carvalho Neto (DEM) e Jossival Sousa Saturnino (PSD).

Ver. Filemon Neto (DEM) – Líder do Governo e o Ver. Jossival Saturnino (PSD) – Vice-líder do Governo/Foto: Sandro Vagner

Ordem do Dia

Foto: Sandro Vagner

Requerimentos: Camada asfáltica no morro da Travessa Otávio Passos (vereador Zezinho do Amor (PTB)/Recuperação do campo de futebol no bairro “Boiadão” (vereadores Zezinho do Amor (PTB) e Didi Motos (PTB)/Colocação de bueiros ao redor do campo de futebol do bairro Mutirão (vereador Bruno Curvina (PDT)/Iluminação do campo de futebol do bairro Mutirão (vereador Bruno Curvina (PDT)/Arborização da cidade de Pedreiras (vereador  Zezinho do Amor (PTB)/Empiçarramento da estrada Baú, povoado Trindade (vereador Gard Furtado (PR).

Indicações: Informações do prefeito Antônio França, quando será retomado o programa “Mais Asfalto” que foram contemplados os bairros: Parque Henrique, Goiabal, Matadouro e Vila Santa Luzia/Calçamento no bairro Matadouro /Asfalto na rua João Rodrigues, no bairro do Engenho (vereador Elcinho Gírio (PRP).

Grande Expediente

Vereadora Ceiça/PSDB/Foto: Sandro Vagner

A vereadora Ceiça (PSDB) usou a Tribuna, iniciou falando sobre os três primeiros meses de legislatura, fez um levantamento de todos os requerimentos de sua autoria, e disse que até agora nenhum foi atendido pelo poder executivo, mas isso não a impede de continuar exercendo o papel de vereadora.

Vereador Filemon Neto (DEM)/Líder do governo/Foto: Sandro Vagner

O líder do governo, Filemon Neto, se colocou à disposição de todos. Que estará pronto a informar sobre as ações que chegarem à Câmara. Reclamou sobre o barulho ensurdecedor de motoqueiros no bairro do Mutirão, no dia de um evento, e disse que irá pedir rigor da PM, na fiscalização quando tiver outro evento igual.

Vereador Bruno Curvina (PDT)/Presidente da Câmara de Pedreiras/Foto: Sandro Vagner

O Vereador Bruno Curvina destacou as indicações dos colegas Filemon Neto e Jossival Saturnino, líder e vice-líder do governo na Câmara. Falou, também, da entrega oficial de uma ambulância e outro veículo ao Conselho Tutelar, que acontecerá nesta sexta-feira (31), em frente ao Palácio Municipal.

Foto: Sandro Vagner

Mais uma vez, algumas pessoas compareceram à Câmara, para acompanhar o trabalho dos vereadores.

Trizidela do Vale: Secretaria de Educação inicia jornada pedagógica e prefeito promete novidades

Educadores de Trizidela do Vale (durante jornada pedagógica)/Foto: Tony Maranhão

Hoje (30) e amanhã (31) a secretara municipal de educação através da prefeitura municipal de Trizidela do Vale estará promovendo no auditório Dr.Kleber Carvalho Branco, a Jornada Pedagógica com o tema: “REFLETINDO A PRÁTICA: SABERES E DESAFIOS” onde reúne um grande número de profissionais da educação cuja finalidade é partilhar ideias, ensinar, e ao mesmo tempo apreender conhecimentos na coletividade, com o propósito de promover o fortalecimento do processo educativo, por meio da análise dos indicadores educacionais, dos valores e da cultura das escolas.

Foto: Tony Maranhão

Participaram da solenidade a secretária municipal de educação Márcia Maia, o prefeito Fred Maia, a presidente do sindicato dos servidores do município Luíza Maria, secretaria de planejamento Tinã Balé, vereador José Sinval representando o poder legislativo, Frei Wiliam, e a palestrante da manhã Edileusa Brito que ministrou sobre a “Motivação para o bom andamento da Educação”.

Foto: Tony Maranhão

Na oportunidade, o prefeito Fred Maia saudou os profissionais e em bom tom disse ter uma grande novidade para educação, mas que só será anunciada amanhã (31), durante o encerramento da Jornada Pedagógica.

Fonte: ASCOMTV – Assessoria de comunicação de Trizidela do Vale

Fotos: Tony Maranhão

Rio: Suspeitos de matar argentino no Rio estão foragidos; ex-Karametade foi para Madri

Toddy Cantuária, Julio Cesar Godinho, PH e Thiago Lessa: suspeitos de matar argentino em briga em Ipanema (Foto: Reprodução)

A divisão de Homicídios do Rio de Janeiro informou nesta quinta -feira (30) que os quatro suspeitos da morte do turista argentino Matias Sebastian Carena em Ipanema, na Zona Sul do Rio, já são considerados foragidos. Um deles, o ex-músico do Karametade Toddy Cantuária, é apontado como foragido internacional.

O crime aconteceu na madrugada de domingo (25). Segundo a polícia, às 11h40 do mesmo dia, Valterson Ferreira Cantuária, o Toddy Cantuária, pegou um avião para Madri. Os investigadores afirmam que o músico pegou um táxi logo após dar o soco que deixou Matias desacordado. Ao chegar em casa, ele pegou uma muda de roupas e no mesmo taxi foi para o aeroporto.

Delegado Rodrigo Brand mostra a foto de Tody durante a coletiva (Foto: Alba Valéria Mendonça/G1)

O delegado Rodrigo Brand, da DH, afirmou que a Polícia do Rio já notificou a Interpol sobre a fuga de Valterson para a Espanha.

Os outros suspeitos que tiveram prisão temporária decretada são Pedro Henrique Marciano, o PH, Júlio Cesar Oliveira Godinho e Thiago Noroes Lessa Silva.

Matias Carena postou foto em uma rede social na chegada ao Rio (Foto: Reprodução/Twitter)

Relembre o caso

O crime aconteceu de madrugada, na saída de uma boate na Rua Vinicius de Moraes, em Ipanema. Segundo a polícia, após uma discussão com os brasileiros, o jogador de futsal argentino Matias Sebastian Carena levou um soco e, ao cair, bateu com a parte de trás da cabeça num batente de uma loja em frente à calçada. A causa da morte, segundo a Divisão de Homicídios, foi traumatismo craniano.

Os agressores teriam desferido chutes e pancadas contra Matias mesmo depois de ele já estar desacordado, caído no chão. Imagens de câmeras de segurança da região foram fundamentais para a polícia chegar aos suspeitos.

Segundo o delegado Fábio Cardoso, a confusão entre brasileiros e argentinos começou após algumas provocações dos brasileiros. Os argentinos teriam discordado do valor cobrado pelo estabelecimento e os suspeitos fizeram provocações na saída da casa noturna.

“Tudo começou dentro do bar que eles estavam. Houve uma pequena discórdia sobre a cobrança do bar, mas essa questão foi resolvida com os funcionários. Após sair do bar, esse grupo de brasileiros, que também estava no bar, começou a provocar, xingar, ofender e ameaçar os argentinos. Os argentinos ficaram com medo, a vítima chegou a atravessar a rua quando foi cercada”, afirmou Fábio Cardoso.

Karametade emite nota

Em um post em uma rede social, o grupo Karametade disse que Toddy Cantuário tocou como músico freelancer na banda por três meses, tendo deixado o grupo em novembro de 2016. Segundo o texto, Ele “não presta mais qualquer trabalho nem possui qualquer vínculo, seja de cunho pessoal ou profissional” com a banda.

“Por fim, o Karametade, 20 anos de uma linda história, se sensibiliza e lamenta o ocorrido, bem como repugna veementemente qualquer ato de violência. Sem mais”, diz o texto.

Fonte: g1.com.br

Brasil: Moro condena Eduardo Cunha a 15 anos e 4 meses de prisão

Eduardo Cunha preso pela PF em Curitiba – Parceiro / Agência O Globo

SÃO PAULO – O juiz Sérgio Moro condenou o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a 15 anos e quatro meses de reclusão por corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas, em regime fechado. Determinou ainda que o ex-deputado fique preso cautelarmente, mesmo na fase de recursos. Lembrou que, ao determinar a prisão preventiva, considerou que mesmo a perda do mandato não excluiu o risco da continuidade de crimes, de corrupção, extorsões e intimidações.

“A responsabilidade de um parlamentar federal é enorme e, por conseguinte, também a sua culpabilidade quando pratica crimes. Não pode haver ofensa mais grave do que a daquele que trai o mandato parlamentar e a sagrada confiança que o povo nele depositou para obter ganho próprio”, disse Moro, ao frisar que Cunha recebeu a propina durante o exercício de mandato parlamentar, em 2011.

O crime de corrupção envolveu o recebimento de US$ 1,5 milhão – R$ 4,6 milhões pelo câmbio atual – pela aquisição, pela Petrobras, de um campo de exploração de petróleo em Benin, na África. Não foi achado petróleo e o contrato, segundo a Comissão Interna de Apuração da Petrobras, resultou em prejuízo de US$ 77,5 milhões à estatal.

Moro decretou o confisco do valor bloqueado pelas autoridades suíças, acrescido dos rendimentos das aplicações financeiras, num total de US$ 2,3 milhões – ou R$ 7,2 milhões.

Segundo Moro, o confisco do valor depositado na Suíça ainda depende de trâmites na Justiça helvética.

O Ministério Público Federal havia pedido à Justiça que Cunha fosse obrigado a arcar com o total do prejuízo causado à Petrobras, mas o juiz afirmou que é “mais apropriado fixar um valor mais conservador”, correspondente ao total recebido de propina (US$ 1,5 milhão). O valor, segundo o juiz, deverá ser convertido pelo câmbio de 23/06/2011 (R$ 1,58) e acrescido de juros de mora de 0,5% ao mês.

Ex-presidente da Câmara, cassado, Cunha foi preso em outubro do ano passado. Ele está detido desde então na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba.

Ao mantê-lo na prisão mesmo durante o período de recurso à sentença, Moro afirmou que persiste o risco de novos crimes de lavagem de dinheiro e que não foram encerradas as investigações e a identificação completa de possíveis crimes do ex-deputado.

O juiz assinalou, por exemplo, que Cunha é acusado de receber propinas também na liberação de recursos do FI-FGTS e nas obras do Porto Maravilha, como afirmaram os delatores da Carioca Engenharia. Os valores teriam sido pagos também em contas secretas no exterior, no Israel Discount Bank e no Banco BSI.

Lembrou no despacho “a lista expressiva de ações penais e inquéritos” aos quais o ex-deputado responde – indícios da “prática serial e profissional de crimes” contra a administração pública e de que ele pode ter mais valores ocultados no exterior do que os já identificados.

Cunha responde a cinco inquéritos por propinas no projeto Porto Maravilha; abuso de poder para extorquir adversários por meio de Lúcio Bolonha Funaro, seu operador de propinas; favorecimento de instituição financeira por aprovação de emendas parlamentares; c0orrupção em contratos de Furnas e desvios de fundos de investimentos administrados pela Caixa Econômica Federal.

A defesa do ex-deputado informou que vai recorrer da sentença ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região.

Ameaça ao presidente

Os advogados de Cunha haviam alegado cerceamento de defesa porque, durante o processo, Moro indeferiu perguntas dirigidas ao presidente Michel Temer.

Na sentença, Moro afirma que as três perguntas dirigidas ao presidente, que fora arrolado como testemunha de defesa de Cunha, tinham como “motivo óbvio” contranger o presidente e buscar ” alguma espécie intervenção indevida da parte dele em favor do preso”.

Ao enumerar as perguntas – Qual a relação de Vossa Excelência com o Sr. José Yunes?; O Sr. José Yunes recebeu alguma contribuição de campanha para alguma eleição deVossa Excelência ou do PMDB? Caso Vossa Excelência tenha recebido, as contribuições foram realizadas de forma oficial ou não declarada? – o juiz afirmou que, além de não ter competência para apurar as condutas do presidente, ele não pode “permitir que o processo judicial seja utilizado para que a parte transmita ameaças, recados ou chantagens a autoridades (..)”

Os advogados de Cunha também contestaram o testemunho de colaboradores da Lava-Jato, e foram rebatidos. Para o juiz, quem critica a colaboração premiada é favorável à regra do silêncio das organizações criminosas

“Em outras palavras, crimes não são cometidos no céu e, em muitos casos, as únicas pessoas que podem servir como testemunhas são igualmente criminosos”.

Fonte: oglobo.com.br

 

Loteria: Mega-Sena, concurso 1.916: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 25 milhões

Mega-Sena: ninguém acertou as seis dezenas nesta quarta-feira (29) (Foto: Heloise Hamada/G1)

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 1.916 da Mega-Sena, cujo sorteio ocorreu na noite desta quarta-feira (29) em Suzano (SP).

Veja as dezenas sorteadas: 03 – 09 – 18 – 23 – 50 – 52.

A quina teve 100 apostas ganhadoras; cada uma vai levar R$ 23.094,50. Outras 5.478 apostas acertaram a quadra e vão receber R$ 602,26.

A estimativa de prêmio para o próximo sorteio, no sábado (1º), é de R$ 25 milhões.

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Fonte: g1.com.br

Pedreiras: Suspenso o resultado do Seletivo da Secretaria de Administração

Uma notícia não muito agradável pegou de surpresa diversos candidatos que participaram do Seletivo nº 002/2017, da Secretaria Municipal de Administração. Segundo uma nota postada pela assessoria de comunicação da prefeitura de Pedreiras, o motivo da suspensão do Seletivo, seria em virtude de uma decisão judicial, que determina o Município convocar os candidatos aprovados e classificados do concurso nº 01/2012.

Veja o comunicado.

PRORROGADO O PRAZO DO RESULTADO DO SELETIVO DA SAÚDE

Quanto ao resultado preliminar do Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúde, o mesmo teve a data de divulgação prorrogada.

Pedreiras: Homem que atropelou e matou pedestre recebe pena de 12 anos de cadeia em Pedreiras

Foto: Reprodução do vídeo

Um homem que atropelou e matou uma pessoa em Trizidela do Vale foi julgado e condenado a 12 anos de reclusão. A sessão do Tribunal do Júri foi realizada nesta terça-feira, dia 28, pela 1ª Vara de Pedreiras e foi presidida pelo juiz titular Marco Adriano. O réu, James Rodrigues de Sousa estava sendo acusado de homicídio qualificado, omissão de socorro, fuga do local do crime, embriaguez ao volante e condução sem habilitação de veículo.

Consta na denúncia que o crime ocorreu no dia 03 de setembro do ano de 2011, por volta das 17 horas, na altura do quilômetro 10 da Rodovia Estadual MA 122, nas proximidades do Povoado Galeana, zona rural de Trizidela do Vale, termo judiciário da Comarca de Pedreiras. Relata que o réu na noite anterior ao delito, teria participado de uma festa na cidade de Igarapé Grande. Na manhã seguinte ficou na mesma residência onde estavam comemorando um aniversário. Lá, ele teria ingerido bebidas alcoólicas.

No final da tarde desse dia, ele saiu conduzindo o veículo Corsa Hatch, cor preta, no sentido Bernardo do Mearim a Trizidela do Vale. No percurso, o referido condutor teria realizado várias manobras perigosas, dirigindo perigosamente e fazendo ‘ziguezagues’ várias vezes, sendo filmado pelo veículo que vinha logo atrás. De repente, ele saiu da rodovia e atropelou a vítima Aldeci, que estava no acostamento empurrando uma bicicleta em companhia de seu filho Camilo Silva.

Após o atropelamento, James fugiu do local sem prestar socorro à vítima, sendo localizado pela Polícia Militar quando já estava com o carro estacionado em frente a sua residência, no bairro Aeroporto de Trizidela do Vale. O juiz informou que, por decorrência da filmagem do momento exato do atropelamento e as manobras perigosas realizadas pelo condutor do veículo, o caso teve grande repercussão local e foi divulgado na imprensa nacional na época, inclusive com reportagens nos canais de TV Nacionais (Jornal Hoje e Programa Mais Você).

O acusado foi solto em janeiro de 2012, mas em agosto de 2013 se envolveu em novo acidente, desta vez conduzindo uma motocicleta e colidindo contra um jumento, vindo a permanecer internado e em tratamento de saúde por dois anos, e somente em 2017 veio a retomar a capacidade cognitiva para ser submetido a julgamento.

Homicídio doloso – Na sessão, o conselho de sentença reconheceu, por maioria de votos, a configuração do delito de homicídio doloso qualificado, por impossibilidade de defesa da vítima, rejeitando a tese de defesa de desclassificação para homicídio culposo no trânsito. James recebeu a pena de 12 anos de reclusão, a ser cumprida inicialmente em regime fechado. O conselho de sentença reconheceu, ainda, a configuração dos delitos conexos de omissão de socorro, fuga do local do crime e condução de veículo sem habilitação, porém, tais delitos foram alcançados pela prescrição.

O conselho de sentença acolheu a tese de absolvição sustentada pela defesa e pelo Ministério Público quanto ao delito de Embriagues ao Volante, tendo em vista que na época o Código de Trânsito exigia a realização do teste de Bafômetro para a configuração do delito, o qual não foi realizado por estar o equipamento para manutenção.

Foto: TJMA

Além do magistrado, atuaram no julgamento o representante do Ministério Público, promotor de Justiça José Frazão Sá Menezes Neto (Comarca de Monção) e na defesa do réu o Defensor Público Thiago Rodrigues Batista.

 

 

 

Michael Mesquita
Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão

Pedreiras: Curto-circuito foi a causa do princípio de incêndio no colégio Herschel Carvalho

Princípio de incêndio no Herschel Carvalho/Foto: Sandro Vagner

Segundo informações de alunos e professores, o fogo foi todo concentrado na caixa de distribuição de energia que fica no lado direito da entrada da escola, no prédio onde funcionou o Colégio Gonçalves Dias, de propriedade da professora Iraci Melo.

Grande movimentação na rua Francisco Sá/Foto: Sandro Vagner

Houve correria dos alunos e de todos que ocupavam o prédio, mas nada de grave foi registrado. A viatura do Corpo de Bombeiros de Trizidela do Vale foi acionada, mas demorou a chegar. Um morador que vinha de Bernardo do Mearim, avisou a Guarnição do Corpo de Bombeiros, segundo ele, chegou primeiro que a viatura, e usando o extintor do carro, conseguiu conter as chamas. Outro vizinho, se encarregou de cortar a fiação. Muita gente se envolveu na ajuda, para evitar o pior, até o vereador Zezinho do Amor foi solidário.

Fotos: Sandro Vagner

O Corpo de Bombeiros quando chegou ao local, fez o trabalho de resfriamento do prédio. O comandante da Operação relatou ao Blog, a demora da chegada da viatura.