Piauí: Homem rouba cordão de ouro, troca por drogas e sofre overdose

Vítima de overdose/Foto: Polícia Militar do PI

Élcio Marcos de Araújo, 40 anos, o “Cabeça de Bagre”, foi encontrado dentro de casa, na Rua Padre Matias, Bairro Planalto, em Parnaíba, vítima de overdose.

De acordo com a Polícia Militar, “Cabeça de Bagre” roubou um cordão de ouro de uma idosa e trocou por pedras de crack, sendo que consumiu até sofrer uma overdose. O consumo de drogas debilita muito o organismo, levando, inclusive, a falência

dos órgãos.

Os policiais foram até a casa do acusado e o encontraram quase morto. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) prestou socorro à vítima de si mesma, que foi levada para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), sendo entubada. Élcio Araújo, o “Cabeça de Bagre”, trabalha como mototaxista.

Fonte: meionorte.com.br

Trizidela do Vale: Mesmo com o dinheiro nas contas a greve dos professores continua

Manifestação dos professores de Trizidela do Vale

Na manhã desta quinta-feira (28) os professores efetivos de Trizidela do Vale realizaram uma manifestação, e durante o evento anunciaram uma greve por tempo indeterminado. Segundo a presidente do Sindicato dos Servidores do Município, Luíza Maria, ela teria recebido uma informação da Secretária de Educação, Márcia Maia, informando que o pagamento referente ao mês de Agosto já estaria nas contas dos professores.

Esse atraso já vem acontecendo desde julho, e a gente sempre esperando para resolver, e, nada. O pagamento caiu hoje (28), mas não significa que no dia 10 de outubro vai cair o pagamento de setembro. O Prefeito marcou uma reunião com uma comissão para a próxima segunda-feira (02/10), às 10h, no gabinete dele. Caso ele não oficialize o pagamento de setembro no dia 10 de outubro, iremos dar continuidade com a paralisação“, disse Luíza Maria.

Manifestação dos professores de Trizidela do Vale

O Blog tentou por várias vezes contato com a Secretária de Educação do Município de Trizidela do Vale, Márcia Maia, mas a mesma, até o fechamento dessa matéria, não tinha retornado às ligações e nem as mensagens por WhatsApp.

Lima Campos: Comunidade festeja São Francisco. Levantamento do Mastro foi atração no primeiro dia de devoção

Há mais de 100 (cem) os moradores do povoado São Francisco, Município de Lima Campos, vem realizando o festejo em honra ao padroeiro e protetores do animais, São Francisco. A abertura da festa na segunda-feira (25) teve como ponto alto o levantamento do mastro. Símbolo que mantém viva sua crença e jamais deixará acabar uma tradição que passa de pai para filho.

 

Essa atração centenária, toda de responsabilidade dos homens é sempre uma festa à parte. Enquanto as toadas são cantadas durante o percurso com a enorme peça de madeira roliça, que é quase uma corrida, as mulheres se encarregam de acompanhar os cantadores, levando nas mãos os galhos de murtas, fruta típica do interior, que mais tarde serve como enfeite do Mastro da Festança de São Francisco.

Serão 09 (nove) noite de orações e devoções a São Francisco. Neste período, o povoado recebe devotos de várias partes do Município e até de outros estados.

Na última noite de festa 04 de outubro os moradores do povoado São Francisco, irão realizar a procissão com a imagem do padroeiro. Como parte cultural participarão de um grande forró que é animado por duas bandas; Pizeirão do Forró (Codó)  e AF Musical (Lima Campos).

 

Nordestino de fé jamais perde a esperança e nem deixa morrer uma tradição hereditária.

Salve, São Francisco!

Copa do Brasil: Cruzeiro derrota o Flamengo nos pênaltis e conquista o penta

A frustração de Guerrero com a derrota do Flamengo nos pênaltis – Alexandre Cassiano

Grandes clubes, com grande capacidade de investimento, precisam estar nas grandes decisões, disputar títulos. O Flamengo saneou suas finanças, melhorou seu elenco com jogadores de peso, frequentou o alto da tabela do último Brasileiro e ontem jogou a final da Copa do Brasil. Mas não basta. Há um compromisso que o Flamengo ainda não consegue cumprir, um passo adiante que o clube não consegue dar. E que também é papel dos grandes clubes: agigantar-se nas grandes ocasiões, conseguir se impor nos grandes jogos. Ontem, voltou a entregar menos do que se podia esperar num jogo crucial, este no Mineirão, após ter feito bom jogo no Maracanã. E perdeu outro jogo crucial: 0 a 0 no tempo normal, 5 a 3 nos pênaltis para o Cruzeiro.

Houve equilíbrio em boa parte do tempo, mas sempre uma sensação de um pouco mais de ambição do outro lado, não do Flamengo. E, por mais cruel que pareça, Diego, um dos símbolos deste clube mais capaz de investir e brigar por grandes nomes, foi o rubro-negro a desperdiçar sua cobrança após um jogo em que fora pouco influente. Chegou-se a apostar, talvez num toque místico, que Muralha pudesse viver sua redenção numa disputa por pênaltis. Mas o nome decisivo foi Fábio, 36 anos, ídolo do clube mineiro. Se decisões testam a personalidade, a experiência, a vivência, não é de estranhar que outro jogador de idade avançada tenha se destacado. Se o Flamengo não venceu, não foi por causa de Juan, 38 anos. Um dos melhores do time no Mineirão.

Finais assim costumam ser um exercício de moderação de riscos. Cada passe é medido, cada pequena ousadia é ponderada. Foi o ponto que uniu Flamengo e Cruzeiro. Quanto às estratégias, havia duas formas diferentes de tentar chegar ao gol.

O Flamengo buscava um jogo mais elaborado, cadenciado, tentando abrir espaços movendo a bola, que passava longo tempo nos pés dos defensores até a tentativa de um passe na direção do ataque. O Cruzeiro apostava num jogo mais direto, em buscar mais rapidamente os atacantes, buscando punir erros de saída de bola rubro-negras. Colocando na balança as chances criadas e perdidas, a proposta cruzeirense andou mais perto de mexer no placar.

Muralha pula para o canto errado na cobrança de pênaltiFoto: Alexandre Cassiano

O Flamengo jamais chegou à área rival em condição de finalizar, voltava a ser o time com aparente controle da partida mas sem contundência. Guerrero lutava contra a defesa rival, fazia bom jogo, dentro das possibilidades que o time oferecia: saía da área para ser opção de passes, esperava a aproximação do time. E cobrou uma falta no travessão. Mas faltava mais presença dos pontas perto do gol e apoio dos laterais. Em especial Trauco, opção de Reinaldo Rueda ontem, que tem como ponto forte mais a construção de jogadas do que o combate.

No mais, o jogo imaginado por Mano Menezes deu alguns frutos. Fala-se que detalhes decidem finais e um drama pessoal quase cumpriu a regra. O jovem Raniel saiu machucado e aos prantos aos três minutos. E a entrada de Arrascaeta desequilibrou a marcação rubro-negra. O uruguaio saía do centro do ataque e, pela esquerda, juntava-se a Alisson para bater Pará. E foi em recuperações de bola com o Flamengo saindo para o jogo que Arrascaeta e Thiago Neves perderam boas oportunidades. A de Thiago, a mais clara.

O segundo tempo trouxe um Cruzeiro que explorava mais os lados do campo. Perdera Robinho e voltara com Rafinha. Foram dez minutos de problemas para o Flamengo, pressionado em seu campo embora sem conceder chances claras. Perto do fim, uma falha de Muralha quase deu o gol a Arrascaeta.

Fábio defende cobrança de Diego/Foto: Alexandre Cassiano

Aos poucos, o jogo voltou ao seu roteiro de poucos riscos, embora o Flamengo trouxesse um Diego mais perto da área cruzeirense, tentando ser o homem do passe final. Conseguiu pouca coisa, foi muito marcado e não viveu sua melhor noite.

Rueda tentou lançar Paquetá na vaga de Éverton e, depois, Rodinei no lugar de Berrío. Mas o Flamengo viveu da luta solitária de Guerrero, que ganhou de dois adversários antes de acertar o ângulo de Fábio, que voou para decretar a cobrança de pênaltis como desfecho de uma final que testava os nervos. Na marca fatal, o Flamengo não deu o passo que ainda o separa do reencontro com as grandes vitórias.

Fonte: oglobo.com.br

Pedreiras: Um novo Setembro chegou e a Poesia (finalmente) Floriu – Por Ana Néres

A nossa primavera chegou. Coletiva. Floriu a seu tempo, dando vida às potencialidades de 25 setembros diversos, 25 maneiras de sentir, ver e testemunhar o mês que é palco do desabrochar da imensa diversidade da natureza na Terra e de cada, individual, Setembro Poético. Porque as flores mais exuberantes das primaveras da vida não nascem em qualquer lugar, nem mesmo em qualquer jardim. Na natureza, a maioria das vezes, é preciso condições extremas para que sejam geradas as maiores belezas. E essa fórmula costuma se repetir também no fazer literário.

No Projeto Ano Poético, nasce agora uma flor com sina de Fênix, depois de tempos áridos em que perdemos referências, algumas pétalas e quase a vocação de poema que deseja páginas: quando Adalberto Franklin, nosso maior incentivador, editor e facilitador de nossas publicações através de sua editora, a Ética, veio a deixar-nos em meio aos trabalhos do terceiro volume de Ano Poético. No entanto, felizes os que deixam legado imaterial, na forma de admiração, amizade e cumplicidade que construíram enquanto seres humanos e humanistas… E assim pessoas comprometidas com a essência do pensamento imortal de Adalberto, fizeram delas os seus compromissos e assumiram a honra de suas amizades. E foi assim que reascenderam as possibilidades desta primavera literária: das vocações de lealdade de Giselda Pereira de Castro, Thaís Miranda, Ribamar Silva e Rafael Silva, entre outras mãos, mentes e corações que desconheço, mas creio, juntos a estes, trabalharam com dedicação, afinco, afeto e acima de tudo vestiram-se de compromisso.

Continue lendo

Pedreiras: “Neguinho da Rodoviária” foi preso pela Polícia Militar

Edmílson Magalhães “Nequinho da Rodoviária”/Foto: 19º BPM-Pedreiras – MA

Edmílson Magalhães de Sousa lima “Neguinho da Rodoviária” era considerado foragido. Ele teria saído durante um indulto do presídio de Pedreiras, e desapareceu. Contra ele havia um mandado de prisão. Segundo informações do Tenente Neris, “Neguinho da Rodoviária” há dias vinha sendo visto nas imediações do mercado central ameaçando populares. 

Ele responde por crime de homicídio. Após abordagem o preso foi conduzido imediatamente para a 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Pedreiras.

Como sempre, o serviço de inteligência da PM através do Tenente Neris e do Soldado Wallysson fez um excelente trabalho, que contou com a GU do Sargento Sá, Cabo André e o Soldado Alcobaça.

Ficou mais complicada a situação do preso.

Peritoró: Superintendente de Polícia Civil do Interior anuncia retorno das atividades na delegacia do Município

Dicival Gonçalves – Superintendente de PC do Interior do Maranhão/Foto: PC do Maranhão

A visita do Dr. Dicival Gonçalves, Superintendente de Polícia Civil do Interior, hoje (27) ao Município de Peritoró, trouxe boas notícias aos moradores. Num áudio, ele ressalta a volta do atendimento, comunica sobre a reforma da delegacia que será retomada, e destaca a construção e reformas em outras delegacias do interior do estado.

Os presos já vão ficar em Peritoró..

O fechamento da delegacia de Peritoró, foi comunicado pelo Delegado Fábio Cordeiro, titular da Delegacia, no dia 21 deste mês.

Ouça as palavras do superintendente.

Pedreiras: Município foi sede da Iª Conferência Livre de Saúde das Meninas

Iª Conferência das Meninas/Foto: Sandro Vagner

Pela primeira vez um evento nesse porte foi realizado hoje (27) no Município de Pedreiras. Voltado exclusivamente para meninas, a Iª Conferência Livre de Saúde das Meninas foi abraçada com muito carinho pelos participantes, onde autoridades Municipais e Estaduais discutiram dias melhores para a classe, que compareceu para prestigiar esse momento ímpar. Importante ressaltar que meninas residentes na sede e zona rural do Município, abrilhantaram a conferência.

Grupos que elaboraram as propostas/Foto: Sandro Vagner

Uma programação diversificada foi montada pela Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres, incluindo vários temas que foram discutidos pelas participantes: O papel do Município na garantia de direitos das meninas – O acesso de serviço de saúde para as meninas – Políticas públicas voltadas para as meninas, e o Acesso à justiça como garantia de direitos. Eixos que complementaram o bom andamento da conferência, e foram avaliados durante os grupos de trabalho que apresentaram diversas propostas em prol da categoria.

Marinilde Rocha – Representante da Secretaria de Estado da Mulher/Foto: Sandro Vagner

Marinilde Rocha, representante da Secretaria Estadual da Mulher avaliou de forma positiva a conferência em Pedreiras. “A gente considera como escutas que irão nos ajudar a fazer nossos planos estaduais. De fato, nós estamos no momento de atualização de planos, momentos de pós-conferência, onde a gente pega tudo que foi trabalhado a nível das Conferências Municipal, Estadual e Nacional, e, o que vem de demanda e de agenda que saem como frutos de resultados das Conferências, a gente leva para nossos planos estaduais e municipais. A Secretária de Estado da Mulher, Laurinda Pinto, continua reforçando, referendando e estimulando os momentos das conferências livres que irão ainda ampliar, o que nós chamamos de momentos de escutas para que possamos estar fortalecendo e modificando os nossos planos estaduais e municipais. E esse olhar das meninas é realmente tão necessário, por que nós não tínhamos, somos o primeiro estado no Brasil, que começa levantar essa bandeira, de olhar, de forma atenciosa e especial, tendo as meninas um seguimento importante para as mulheres“, concluiu Marinilde.

Maria Alyce – Representando as meninas do Maranhão/Foto: Sandro Vagner

Maria Alyce que representou as meninas do Maranhão, em entrevista concedida ao Blog, ressaltou ser de grande importância a conferência em Pedreiras, e por ser uma pedreirense estava orgulhosa em voltar às raízes.

Foto: Sandro Vagner

Compuseram à mesa: Jane Cleb (Secretária Municipal da Mulher de Pedreiras); Karen Cinthia (Secretária de Saúde de Pedreiras); Felipe Figueiredo (Secretário da Juventude de Pedreiras); Francinete Braga (Secretária de Cultura de Pedreiras); Raimundo Nonato “Natinho” (Secretário de Esportes de Pedreiras); Ary Pereira (Conselheiro tutelar de Pedreiras); Enysia Paula (Representante da Secretaria de Educação de Pedreiras); Socorro Rios (Secretária de Assistência Social de Pedreiras) Monitor Elberth Pereira (Representante o TG 08 008); Vanessa (Representante da UNE de Pedreiras); Valdete Cruz (Gestora regional de saúde de Pedreiras); Maria Alyce (Representando as meninas do Maranhão) e  Marinilde Rocha (Representando a Secretaria Estadual da Mulher do Maranhão).

Josivan Pereira – Cantor e compositor/Foto: Sandro Vagner

Antes do início da solenidade, o cantor e compositor Josivan Pereira, cantou em homenagem às mulheres “Como é grande o meu amor por você” (Roberto Carlos).

Veja mais fotos do evento

Continue lendo

Brasil: TST determina que grevistas dos Correios mantenham efetivo de 80%

Foto: Reprodução

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou que sindicatos filiados à Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect) devem garantir ao menos 80% dos trabalhadores da empresa estatal trabalhando normalmente durante a greve decretada na última sexta-feira (22).

A decisão liminar (provisória) é do vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Emmanoel Pereira, que atendeu a pedido dos Correios. Caso a categoria descumpra a determinação, as entidades sindicais que declararam greve estarão sujeitas a multas diárias de R$ 100 mil.

“A ECT é estatal da União que exerce prestação de serviço público enquadrado no conceito de serviço indispensável, o que exige a observância da necessidade de manutenção de contingente mínimo”, afirmou o ministro, em sua decisão.

O dissídio coletivo – ação proposta à Justiça do Trabalho para solucionar questões não resolvidas em negociação direta – foi ajuizado pelos Correios. Segundo o ministro, atender ao pedido de liminar da empresa não significa antecipar juízo de valor sobre a paralisação ser ou não abusiva. Ele ressaltou que o desconto dos dias parados independe da abusividade da greve. “Seja abusivo ou não, a adesão ao movimento enseja o desconto por parte da empresa”.

A greve decretada na última sexta-feira não envolve toda a categoria e, sim, os sindicatos filiados à Fentect. Os funcionários dos Correios, representados por entidades sindicais filiadas à Federação Interestadual dos Sindicatos dos trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (Findect), farão assembleias amanhã (26), para decidir se aceitam as propostas da empresa de acordo coletivo para o biênio 2017/18. Os Correios propõem o reajuste de salário de 3% nos salários e benefícios a partir de janeiro de 2018 e manutenção das demais cláusulas do Acordo Coletivo de Trabalho 2016/2017.

A Findect é formada pelos servidores dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Tocantins e Maranhão. Segundo a entidade, os quatro estados respondem por 75% do fluxo postal do país e detém cerca de 40% do quadro de funcionários da empresa. Já a Fentect responde pelos demais estados do Brasil, reunindo 60% do quadro de funcionários da estatal e movimentando cerca de 25% do fluxo postal do país.

A Fentect disse que, dos 31 sindicatos filiados, aderiram à greve os dos estados do Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, São Paulo (Campinas, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Vale do Paraíba e Santos), Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais (MG, Juiz de Fora e Uberaba), Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul (RS e Santa Maria), Rondônia, Sergipe e Santa Catarina, restando apenas Roraima confirmar a adesão.

A empresa afirma que 90,59% do efetivo não aderiu à paralisação — o equivalente a 98.350 trabalhadores distribuídos por todo o país. Ainda assim, segundo a própria empresa, em algumas unidades a determinação do TST não está sendo cumprida.

Fonte: agenciabrasil.com.br

Lima Campos: Antigo lixão da cidade ganhou plantio de Ipês

Foto: Sydnei Silva

A Prefeitura Municipal de Lima Campos, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, realizou no dia (21) Dia da Árvore) uma AÇÃO envolvendo toda a equipe da SEMA, Escolas e Comunidade para um plantio de 500 mudas de Ipês no terreno do Antigo Lixão Municipal. O objetivo é contribuir para a recuperação da área degradada que abrange parte do Bairro Aeroporto.

As árvores ajudam a diminuir a poluição, produzem oxigênio mudam a direção dos ventos, firmam o solo das encostas, controlam a quantidade de gás carbônico no ar e protegem as margens dos rios. Com tantos benefícios, é importantíssimo o alerta para que todos se empenhem e se tornem um Defensor da Natureza plantando uma ÁRVORE.

Fotos: Sydnei Silva

Nesta ação, fizeram-se presentes o Prefeito JAILSON FAUSTO ALVES, o vice-prefeito ESTEVINHO, a Secretária de Meio ambiente ARISTÂNIA FREITAS SILVA que em seu pronunciamento agradeceu a participação da equipe, dos vereadores, alguns secretários, professores, alunos e demais envolvidos que participaram deste belo trabalho. A mesma, destacou também seu agradecimento a empresa ENEVA* que esteve doando as mudas para o referido plantio e ao Secretário de Meio Ambiente de Capinzal do Norte – Sr. Elcias Abreu que também colaborou com doação de mudas.

Foto: Sydnei Silva

A ENEVA é uma companhia brasileira integrada de energia com negócios complementares em geração, exploração e produção de hidrocarbonetos.

Foto: Sydnei Silva

Por Assessoria de Comunicação