Logo

Brasil: Juíza aceita denúncia e médium João de Deus vira réu por abusos sexuais em Abadiânia

Médium vira réu em processo sobre abusos sexuais — Foto: Reprodução/JN

A juíza Rosângela Rodrigues dos Santos aceitou a denúncia contra João de Deus e, com isso, ele passou a ser réu pelos crimes de estupro de vulnerável e violação sexual. A informação foi confirmada com exclusividade à TV Anhanguera. O médium foi acusado por dezenas de mulheres de cometer os abusos durante tratamento espiritual na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia, onde fazia atendimentos. Ele sempre negou os crimes.

Em nota, o advogado Alberto Toron, que defende o médium, disse que ainda não tem conhecimento da decisão. “De qualquer modo, é importante esclarecer que se trata de uma decisão provisória, sujeita à confirmação após a apresentação da resposta à acusação. Estamos serenos e confiamos na justiça”, disse.

Toron esclareceu ainda que, a partir de agora, o médium será citado e só então começa a correr o prazo de dez dias para a apresentação da resposta da defesa. Nesse momento será possível rebater a acusação formulada pelo Ministério Público e listar testemunhas.

A assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça explicou que a juíza não vai divulgar detalhes do processo, pois o processo é sigiloso. O caso envolve quatro vítimas, com relação aos crimes de violação sexual mediante fraude e estupro de vulnerável.

João de Deus, que está preso desde 16 de dezembro no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia, foi ouvido por duas horas nesta quarta-feira (9) em outro caso: por posse ilegal de arma.

A investigação foi aberta pela Polícia Civil após terem sido encontrados revólveres e pistolas na casa dele durante operações de busca e apreensão. Esta foi a segunda vez que o médium é ouvido pela corporação.

Situação atual

  • Ministério Público Estadual de Goiás denunciou João de Deus por violação sexual mediante fraude e estupro de vulnerável no dia 28 de dezembro.
  • O órgão também recorreu de decisão que determina prisão domiciliar de João de Deus por posse de arma, em 29 de dezembro;
  • Médium está preso desde o dia 16 de dezembro;
  • Ele é investigado por estupro, estupro de vulnerável, violação sexual mediante fraude e posse legal de arma;
  • João de Deus já tinha prestado depoimento para a Polícia Civil quando foi preso, e ao MP-GO no dia 26 de dezembro;
  • Esposa do médium foi ouvida pela Polícia Civil no dia 26 de dezembro e disse que não sabia de crimes;
  • Justiça concedeu prisão domiciliar por posse de armas no dia 27 de dezembro, mas ele segue preso por violação sexual. João de Deus teve habeas corpus negado no TJ-GO e STJ e aguarda decisão do STF;
  • Após o médium passar mal na prisão no dia 2 de janeiro, o presidente do Supremo pediu novas informações sobre o estado de saúde de João de Deus à Justiça de Goiás. Juíza Marli de Fátima Naves diz que não havia necessidade de transferência para hospital;
  • Diante dessa informação, o ministro Dias Toffoli pediu novo parecer à PGR, que continuou contrária ao habears corpus.

fonte: g1.globo.com

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

  • siga-nos no facebook

  • CONNECT PEDREIRAS

  • Óticas Diniz

  • Vice-prefeito de Pedreiras. Acesse nossa página no Facebook. Clique no Flyer

  • Para pessoas que buscam tranquilidade, conforto, bons serviços e clima agradável

  • Acesse nossa página. Clique no banner

  • Gráfica e Editora Mearim – (99) 3642-8006/98189-0190 – Pedreiars – MA

  • IESN /Matrículas abertas: Cursos técnicos, profissionalizantes e de aperfeiçoamento

  • Venha nos visitar!

  • Clique no flyer e acesse o site da FAESF

  • Uninter – Polo Pedreiras CE Franciscano Av. Dr. João Alberto, nº 5 Bairro Maria Rita Pedreiras-MA Fone: (99) 3642-1709 / (99) 981167237 – Mais informações clique no banner

  • Especialista em aplicativos, cartões digitais interativos e redes sociais. Clique no Banner e tenha mais informações

  • Loja Dois – Volta às aulas

  • LOJA DOIS PAPELARIA – Avenida Rio Branco – Centro – Pedreiras

  • Telefones Úteis

    WhatsApp da PM (99) 8156-5426 Tenente do Dia (99) 98174-3547 Sargento do Dia (99) 98140-4154
  • Clique Aqui