Pedreiras: Maioria dos Vereadores desbanca CPI da “Piçarra”

Foto: Sandro Vagner

Após um ano e cinco meses de administração o Prefeito de Pedreiras, Antônio França, enfrentou sua primeira grande batalha contra o poder legislativo. Na noite desta segunda-feira (14), depois de algumas semanas, mesmo com o número máximo de assinaturas para pedir a abertura de uma CPI – Comissão Parlamentar de Inquérito, o gestor municipal conseguiu escapar da investigação sobre a contratação da empresa Moura Construções Eireli, que tem como representante legal o ex-secretário de esportes Raimundo Nonato de Moura, “Natinho”, vencedor do certame no valor de R$ 515.211,50 (quinhentos e quinze mil, duzentos e onze reais e cinquenta centavos), que iria fornecer materiais de jazida (lateríticos – Piçarra e argila/barro).

Para prestar alguns esclarecimentos e tirar dúvidas sobre a empresa, o presidente e pregoeiro da CPL (Comissão Permanente de Licitação) de Pedreiras, Elton Fernando Figueiredo Morim Neto, foi convocado pela mesa diretora da Câmara, para tirar dúvidas e responder perguntas dos parlamentares. Durante a participação do presidente e pregoeiro, Elton chegou a dizer que, mesmo estando a um ano à frente da CPL, não conhece o ex-secretário de esportes, Natinho. 

Elton Fernando – Presidente e pregoeiro da CPL de Pedreiras – MA/Foto: Sandro Vagner

O caso da suposta licitação fraudulenta foi denunciado ao Ministério Público que segue com as investigações, mas ontem (14), o processo foi barrado na Câmara de Vereadores por 07 (sete) votos contra, e  05 (cinco) votos a favor. Antes da votação, cada vereador fez questão de se pronunciar e dizer porque estaria votando contra ou a favor da abertura da CPI.

Votaram a favor da abertura da CPI, os vereadores: Elcinho Gírio, Robson Rios, Jotinha, Sérgio Profiro e Adonias Quineiro.

Votaram contra a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito, os vereadores: Totinho Sampaio, Ceiça, Didi Motos, Zé Renato, Zezinho do Amor, Filemon Neto e Gard Furtado. A maioria alegou que apenas o erro quanto à quarentena não poderia prejudicar o andamento das ações no Município de Pedreiras.

Mesa diretora da Câmara de Vereadores de Pedreiras – MA/Foto: Sandro Vagner

Veja o momento da votação do Projeto de Lei.


A galeria ficou repleta de servidores e secretários do governo Honra e Trabalho, mas após o resultado da votação, apenas cinco heróis ficaram até o encerramento da sessão que terminou as 23:50h.

One comment on “Pedreiras: Maioria dos Vereadores desbanca CPI da “Piçarra”

  • É bom todos saber quem esta do lado do povo e os que estão contra, pq são esses os representantes. O que custa investigar? Não custa nada já que se dizem não ter nem uma irregularidade.

    Reply

Deixe uma resposta