Logo

Famílias recebem vítimas de acidente aéreo da Chapecoense com choro e palmas

O primeiro avião com os corpos das vítimas da queda do voo da Chapecoense chega a Chapecó - Reprodução

O primeiro avião com os corpos das vítimas da queda do voo da Chapecoense chega a Chapecó – Reprodução

CHAPECÓ (SC) – Com palmas e choro, cerca de 50 familiares de vítimas do acidente com a delegação da Chapecoense assistiram à chegada dos aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) carregando os corpos de atletas, membros da comissão técnica e jornalistas ao Aeroporto Serafim Enoss Bertasso, em Chapecó na manhã deste sábado. A aeronave pousou às 9h28m; a segunda às 9h44m.

EMOÇÃO: Imigrantes haitianos se emocionam na Arena Condá

Antes da chegada dos corpos, os familiares foram cumprimentados pelo presidente Michel Temer. Em uma cerimônia fechada, Temer ofereceu suas condolências na forma de apertos de mão a cada um dos presentes. Depois desse ato, os familiares puderam ir até a lateral da pista de pouso para ver o avião Hércules.

O grupo bateu palmas para homenagear seus entes queridos, mortos na queda do avião da Chapecoense. Muitos choravam ao ver a aeronave e precisaram de apoio de outros parentes. Temer e outros políticos que foram ao aeroporto ficaram em uma ala separada, a poucos metros das famílias.

Médicos e psicólogos voluntários oferecem assistência aos familiares das vítimas e a todo momento oferecem seu auxílio.

Cinquenta caixões serão retirados dos aviões da FAB e colocados em três caminhões para que tenha início o cortejo até a Arena Condá, onde será realizado um velório coletivo.

TEMER VAI AO VELÓRIO

A comitiva presidencial chegou às 8h50m em Chapecó. Além de Temer, viajaram a Chapecó o ministro do Esporte, Leonardo Picciani, e o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. O presidente foi recepcionado pelo governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, além de parlamentares da região. O presidente deve entregar uma medalha para representantes do jogadores e de membros da comissão técnica que morreram no acidente.

Ao longo da semana, auxiliares de Temer disseram que ele não iria acompanhar o velório na Arena Condá por medo de vaias e protestos. A atitude gerou reclamação de alguns parentes, que preferiram não se deslocar até o aeroporto para participar da cerimônia com a comitiva presidencial.

Segundo o “Sportv”, diante da repercussão negativa, Temer decidiu ir para a Arena Condá. A presidência não confirmou a informação, mas a Chapecoense já vinha se preparando para essa possibilidade e preparou uma sala para receber o presidente na Arena Condá. Não está confirmado, no entanto, se Temer irá ao gramado para a cerimônia junto com os familiares.

Enquanto isso, na Arena Condá, desde a madrugada torcedores formavam filas para participarem da homenagem aos jogadores no estádio.

Fonte: oglobo.com.br

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

  • siga-nos no facebook

  • Prefeitura de Lima Campos – Clique no banner e visite nossa página

  • Pedreiras Grand’ Hotel – Para pessoas que buscam tranquilidade, conforto, bons serviços e clima agradável

  • Clique no flyer e acesse o site da FAESF

  • Clínica CardioMais – Excelência em Tudo/Rua Maneco Rêgo, 854 – Pedreiras/(99)99182-4989

  • Connect Pedreiras

  • Clique na logo e visite nossa página

  • Venha nos visitar!

  • Vitorino Net

  • LOJA DOIS PAPELARIA O MAIOR MIX DE PAPELARIA DE PEDREIRAS – AV. RIO BRANCO – CENTRO

  • Telefones Úteis

    WhatsApp da PM (99) 8156-5426 Tenente do Dia (99) 98174-3547 Sargento do Dia (99) 98140-4154
  • downloadfilmterbaru.xyz nomortogel.xyz malayporntube.xyz