Cinco Pessoas Presas no Início da Operação Brasil Central Mais Seguro em Carolina (MA)

img-20160923-wa0142

A II fase da Operação Brasil Central Mais seguro, é um consórcio entre diversos Estados com enfoque principal no combate e prevenção aos crimes interestadual de tráfico de drogas, furto/roubo de veículos e cargas.

Em Carolina (MA) a operação tem o comando do Delegado Regional de Balsas, Dr. Fagno Vieira, que coordena as ações conjuntas de policiais civis e militares que início ás 6:00 h da manhã desta sexta-feira (23) e vai prosseguir até a meia noite.

img-20160923-wa0143

Logo nas primeiras horas foram presas, 4 pessoas, 2 homens e 2 mulheres, identificados por Cleandson Furtado Gonçalves, 18 anos, Daniel Cortez Gomes, 24 anos, Marinalva de Jesus Furtado Gonçalves, 50 anos e Maria Aparecida Carvalho Noronha, 19 anos, autuados por crime de tráfico de drogas com eles foram apreendidos 62 pedras de crack e porções de maconha.

img-20160923-wa0141Em cumprimento a um mando de prisão e busca e apreensão foi aprendido grande quantidade de munições em um comércio e o comerciante identificado por Deusimar Oliveira, foi conduzido à delegacia onde foi autuado no art. 17 da lei 10826/03, por crime de comércio ilegal de munições.

“Empreendemos cumprimento a 6 mandos de busca e apreensão, vamos dá cumprimento a mandatos de prisão preventiva. Vamos continuar até a meia noite de sexta-feira (23) fazendo barreiras em toda a região e fazer incursões até alguns povoados na zona rural onde se tem notícias da possível presença de veículos roubados, motos e carros roubados”, explicou Dr. Fagno via Whatsapp ao Diário de Balsas

Durante a operação estão sendo realizadas blitz e barreiras com revista em veículos nas rodovias e na travessia da Balsa de *Filadélfia (TO)* a Carolina (MA). Via identificada pelo Serviço de Inteligência da Polícia como sendo rota de tráfico e transporte de drogas, armas, veículos e cargas roubadas.

No Maranhão foram eleitas as cidades de Imperatriz, Estreito e Carolina para a realização da operação que ocorre simultaneamente nos estados que integram o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Tocantins, Minas Gerais e Distrito Federal.

Até o termino da operação outras prisões poderão acontecer e veículos serem recuperados.

Fonte: Grupo Juruna Notícias Policiais

Deixe uma resposta