Logo

Pedreiras: Comércio volta a funcionar em novo horário de acordo com novo Decreto Municipal

Antônio França – Prefeito de Pedreiras/Foto: Sandro Vagner

O Prefeito de Pedreiras, Antônio França de Sousa, baixou um novo Decreto que entrará em vigor a partir desta segunda-feira (25), com algumas alterações, incluindo novo horário de funcionamento para o comércio considerado não essencial. O funcionamento será de 12 às 18h.

Bares continuarão fechados ,salão de beleza e cabeleireiros terão que agendar atendimento, atendendo as determinações do Decreto.

Mantida a suspensão das aulas presenciais.

Segundo o Decreto, devem permanecer em isolamento social:

  • Pessoas com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos;
  • Crianças de 0 a 12 anos;
  • Imunossuprimidos (independente da idade);
  • Portadores de doenças crônicas;
  • Gestantes e lactantes.

Veja a íntegra do novo Decreto Municipal

https://www.pedreiras.ma.gov.br/diario/727/101_2020_0000001.pdf

Trizidela do Vale: Vereadores aprovam pedido de gratificação aos profissionais de saúde

Presidente da Câmara de Vereadores de Trizidela do Vale

O requerimento é de autoria do vereador Francisco Martins “Corró”, mas foi assinado por todos os colegas de parlamento. Segundo o parlamentar, a justificativa é devido os profissionais serem da linha de frente, que além do trabalho árduo nessa pandemia do coronavírus, continuam auxiliando os desabrigados pelas cheias do Rio Mearim, que já retornaram às suas casas.

Segundo o vereador Corró, até agora, existem comentários que apenas os motoristas foram beneficiados com essa gratificação, mas acredita que na próxima semana o Prefeito Fred Maia, pelo reconhecimento aos demais servidores, possa destinar a gratificação a todos.

Sabemos do compromisso que tem o prefeito Fred Maia e de sua sensibilidade com todos os servidores, mas neste momento, em especial, a todos esses heróis que estão doando suas vidas para ajudar combater essa pandemia em Trizidela do Vale, seria um grande incentivo.” Disse o vereador Corró.

Pedreiras: Promotora de Justiça Hortênsia Cavalcanti foi vitaliciada

Drª. Hortênsia Fernandes Cavalcanti – Promotora de Justiça/Foto: Sandro Vagner (Arquivo)

Pra comemorar mais esse grande momento em sua vida profissional, a Promotora de Justiça Hortênsia Fernandes Cavalcanti, que já prestou trabalho na Comarca de Pedreiras, durante um ano à frente da 3ª Promotoria de Justiça, usou sua rede social no Instagram, para compartilhar a conquista com todos os amigos e amigas.

Em meio ao momento de emergência internacional decorrente da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus, eis que me surge uma imensurável alegria: vitaliciamento na carreira de membro do Ministério Público do Estado do Maranhão. Agradeço a todos que, de forma direta ou indireta, contribuíram para a concretização dessa fase de extrema valia na construção profissional. Registro, neste ensejo, as Comarcas de Pedreiras/MA, Loreto/MA e São Raimundo das Mangabeiras/MA, circunscrições onde tive oportunidade de desempenhar minha função e de ressignificar a humanidade que há em meu interior. Continuarei batalhando no sentido de honrar as missões tracejadas constitucionalmente ao Ministério Público, velando sempre pelo interesse público primário e me orgulhando, dia a dia, de fazer parte de uma instituição tão indispensável à sociedade brasileira.”

Nós que fazemos o Blog sandrovagner.com.br reiteramos os mais sinceros votos de felicidade à Drª. Hortênsia, pela parceria com esse veículo de informação.

O vitaliciamento é a confirmação dos promotores de justiça nos cargos após dois anos de estágio probatório.

Parabéns!

Brasília: Governo prorroga prazo de inscrição do Enem até dia 27

Marcelloo Casal Jr./Agência Brasil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou a prorrogação do prazo de inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 para a próxima quarta-feira (27). Pelo calendário inicial, as data limite para os estudantes se inscreverem era hoje (22).

As inscrições começaram no último dia 11 e podem ser feitas por meio da página do Enem na internet.

De acordo com Weintraub, mais de cinco milhões de estudantes já se inscreveram para a prova até a manhã desta sexta-feira (22). “Como já anunciei, os candidatos inscritos serão ouvidos, em junho, pela Página do Participante, do Inep [Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira]. Eles, os interessados, vão escolher quando fazer a prova”, explicou o ministro, em outra publicação no Twitter.

Na quarta-feira (20), o Ministério da Educação anunciou o adiamento do Enem por algo entre 30 a 60 dias, em razão dos impactos ocasionados na sociedade pela pandemia de covid-19. As provas impressas estavam previstas para serem aplicadas em 1º e 8 de novembro e as provas do Enem digital para os dias 22 e 29 de novembro.

A estrutura dos dois exames será a mesma. Serão aplicadas quatro provas objetivas, constituídas por 45 questões cada, e uma redação em língua portuguesa. A redação será manuscrita, em papel, nas duas modalidades. Durante o processo de inscrição, o participante deverá selecionar uma opção de língua estrangeira – inglês ou espanhol.

Neste ano, será obrigatória a inclusão de uma foto atual do participante no sistema de inscrição, que deverá ser utilizada para procedimento de identificação no momento da prova. O valor da taxa de inscrição é de R$ 85 e deverá ser pago até 28 de maio.

Quem tem direito à gratuidade da taxa de inscrição, por se enquadrar nos perfis previstos nos editais do Enem, terá a isenção automática, a partir da análise dos dados declarados no sistema. A regra se aplica, inclusive, aos isentos em 2019 que faltaram aos dois dias de prova e não tenham justificado ausência. De acordo com o Inep, a medida beneficia quem teve dificuldades em realizar a solicitação de isenção devido às restrições impostas pelo isolamento social decretado em razão da pandemia de covid-19.

fonte: agenciabrasil.ebc.com.br

Paço do Lumiar: Paço do Lumiar deve fornecer alimentação aos estudantes durante pandemia

Ilustrativa

O Município de Paço do Lumiar deve fornecer, em 10 dias, alimentação escolar a todos os alunos da rede pública municipal, durante todo o período de suspensão de aulas presenciais como medida de combate à covid-19, inclusive para estudantes de famílias beneficiadas por programas de transferência de renda.

A decisão liminar, do juiz Douglas de Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca da Ilha de São Luís, atendeu ao pedido de concessão de tutela de urgência da Defensoria Pública do Maranhão, em Ação Civil Pública ajuizada contra o Município de Paço do Lumiar.

Conforme a decisão, a administração municipal deverá encontrar a forma mais conveniente para a execução da medida, seja pelo repasse de verba à família mediante fornecimento de cartão-alimentação, seja pela oferta de cestas básicas/kit alimentação, ou por outra estratégia legal a ser implementada, desde que não gere despesas para as famílias beneficiadas.

A distribuição dos alimentos deve ser realizada de forma a evitar aglomerações e adotar todas as medidas preventivas recomendadas pelas autoridades sanitárias para preservação da saúde dos servidores envolvidos, e com ampla publicidade, de forma a garantir conhecimento desse benefício pelos necessitados.

Segundo a Defensoria Pública estadual, autora do pedido, o Município de Paço do Lumiar não vem ofertando merenda escolar aos alunos de sua rede pública de ensino, apesar de ter recebido, no ano de 2020, R$ 741.660,60 do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

MERENDA ESCOLAR – No decorrer da ação, o Município de Paço do Lumiar se manifestou sobre o pedido e alegou, “impossibilidade de intromissão do Poder Judiciário em esfera de atuação discricionária da Administração Pública, sob pena de afronta ao princípio da separação dos poderes” e que “estaria tomando as medidas necessárias para dispensação da merenda escolar no período de pandemia”.

Na decisão, o juiz verificou haver os requisitos legais necessários para concessão da tutela de urgência: a probabilidade do direito constitucional à educação (Constituição Federal, artigo 205) e a garantia de alimentação escolar ao educando (Constituição Federal, artigo 208, VII).

Informou ainda que os documentos juntados aos autos demonstram não ter havido uma medida efetiva para garantia do fornecimento da alimentação escolar durante a pandemia. E fixou multa diária de R$ 1.000,00 para o caso de descumprimento da decisão e prazo de 30 dias para o município apresentar contestação – se houver.

De acordo com a fundamentação da decisão, a educação é considerada direito social e, para sua garantia, exige-se do Poder Público prestações positivas (CF, art. 6º). E em se tratando da educação de crianças e adolescentes, esse direito deve ser atendido com absoluta prioridade, conforme previsto no artigo 227 da CRFB/88.

“O administrador não tem a opção de destinar ou não os recursos necessários para que se garanta o mínimo de estrutura para a garantia do direito à educação. São ilegítimas escolhas administrativas em detrimento do direito à educação”, ressaltou o juiz.

fonte: tjma.jus.br

São Luís: Mais de 700 profissionais de saúde estão recuperados da Covid-19 no Maranhão

Divulgação

O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), na noite desta quinta-feira (21), informou que 726 profissionais da saúde estão recuperados do novo coronavírus no Maranhão.

Os dados revelam ainda que 857 testaram positivo para Covid-19 no estado, e 17 profissionais de saúde vieram a óbito em decorrência da doença.

Ainda de acordo com o boletim, em um dia foram registrados mais 1154 novos casos de coronavírus no Maranhão, esse foi a maior número de pessoas infectadas registradas dentro de 24 horas desde que começou a serem confirmados os casos no estado.

Com os novos casos da doença, sobe para 17212 o número de pessoas com COVID-19 no Maranhão, destes, 3675 estão recuperados. Além desses dados, existem os casos suspeitos, que são 2483 e os descartados, que são 13886.

O boletim informa também que mais 30 óbitos foram contabilizados, subindo para 693 o número de mortes por covid-19 no estado. Esses 30 novos óbitos são correspondentes a 13 municípios, sendo: Lagoa Grande do Maranhão (1), Raposa (1), Olho D’água das Cunhãs (1), Imperatriz (1), Carutapera (1), Bacabeira (1), Pinheiro (1), Olinda Nova do Maranhão (1), Peri Mirim (1), Lago da Pedra (1), Paço do Lumiar (1), São José de Ribamar (4) e São Luís (15).

fonte: oimparcial.com.br

Brasília: Celso de Mello deve decidir sobre vídeo nesta sexta-feira

Ministro Celso de Melo

Esta sexta-feira (22) é a data-limite estabelecida pelo próprio ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello para tomar uma decisão sobre o sigilo do vídeo de uma reunião ministerial, realizada no Palácio do Planalto há exatamente um mês, no dia 22 de abril. A expectativa é que a decisão seja tomada até 17h (horário de Brasília).

O material é peça-chave para apurar as denúncias do ex-ministro da Justiça Sergio Moro, que afirmou, em depoimento à Polícia Federal em 2 de maio, que a reunião mostra uma tentativa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em interferir na Polícia Federal.

Celso de Mello pode divulgar o conteúdo da reunião na íntegra ou parcialmente, com as imagens do encontro de Bolsonaro com a cúpula de ministros ou transcrições do evento.

Em manifestação enviada ao STF na última terça-feira, o procurador-geral da República, Augusto Aras, foi contra a degravação do vídeo, que considerou “inconveniente” pela “marcha acelerada” que o ministro Celso de Mello imprimiu à investigação.

“Eventual divulgação das transcrições, ainda que involuntária, por esses motivos, pode acirrar desnecessariamente a disputa de versões entre os investigados, contribuindo para a politização da investigação, afastando dela o perfil exclusivamente técnico”, escreveu Augusto Aras.

Quebras de protocolos

Segundo apuração da CNN, a gravação foi comparada ao registro de algo impróprio ou questionável, por ministros do Supremo Tribunal Federal.

“Para gente que cuida de segurança, uma reunião como essa não caberia nem ser gravada, para o registro de palavrões? Condutas? É como gravar uma ida ao bordel”, afirmou um ministro.

Apesar da reunião configurar um ato institucional de governo, para magistrados, o tom do encontro quebrou protocolos, pelo o que se sabe até agora, e o governo deveria imaginar que uma eventual divulgação poderia ocorrer. “Isso só mostra a personalidade suicida do presidente. É uma situação complicadíssima”, afirmou um ministro.

Há temor de que o vídeo tenha um poder explosivo, que poderia motivar desgaste à imagem do governo e também abertura de outros inquéritos. De acordo com relatos não oficiais de quem participou da reunião, há xingamentos contra a China, principal parceiro comercial do Brasil, e também a defesa de que ministros do STF sejam presos.

Ainda segundo a apuração, Celso de Mello teria ficado bastante ‘surpreso‘ ao assistir o vídeo. De acordo com relato de auxiliares da Suprema Corte, o ministro repreendeu alguns trechos do material e a decisão sobre a divulgação é considerada difícil.

O ministro começou a assistir ao vídeo na noite da segunda-feira (18). Peritos da Polícia Federal concluíram a transcrição na terça-feira (19) e o laudo já foi entregue à equipe que conduz a investigação junto à Corte. O trabalho durou uma semana.

 

Bolsonaro defende divulgação parcial

Nesta quinta-feira, na véspera da data-limite da decisão de Celso de Mello, Bolsonaro pediu mais uma vez que a íntegra da gravação do evento não venha a público.

“Eu só peço: não divulgue a fita toda. Tem questões reservadas, tem particularidades ali de interesse nacional. O resto, o que eu falei… Tem dois pedacinhos de 15 segundos que é questão de política externa que não pode divulgar. O resto, divulga. E tem bastante palavrão, tá”, disse Bolsonaro, durante live nas redes sociais. “Se o ministro resolver divulgar, vou cumprir a decisão judicial.”

O presidente já declarou em algumas oportunidades que não há menção sobre a Polícia Federal ou à superintendência do Rio de Janeiro no vídeo.

“Não existe no vídeo todo a palavra Polícia Federal nem superintendência, quem cuida da minha família não é a PF. Todos meus filhos têm segurança, sem exceção”, disse, em conversa com jornalistas em 12 de maio.

Em outra ocasião, Bolsonaro afirmou que quem espera que o vídeo seja um “xeque-mate”, vai “cair do cavalo“.

A defesa de Moro defende a divulgação do conteúdo na íntegra. Segundo o próprio ex-ministro, não há assunto pertinente a segredo de Estado ou que possa gerar incidente diplomático, muito menos colocar em risco a segurança nacional.

O Palácio de Planalto defende a tese de que Jair Bolsonaro foi mal interpretado no encontro com ministros. Segundo membros do governo, na reunião o presidente, ao falar sobre o risco de alguém prejudicar sua família, estaria se referindo à segurança física e cobrando o responsável pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, e não o ministro da Justiça Sergio Moro. Por essa versão, não haveria qualquer tentativa em interferir em investigações da PF.

 

Denúncias

De acordo com Sergio Moro, o presidente teria cobrado, na reunião em questão, relatórios de inteligência e informação da Polícia Federal. Em outra ocasião, por Whatsapp, teria dito: “Moro, você tem 27 Superintendências, eu quero apenas uma, a do Rio de Janeiro”.

Algumas falas de Bolsonaro no encontro com os ministros já foram conhecidas em documentos entregues pela Advocacia-Geral da União (AGU) ao Supremo Tribunal Federal (STF) ao encaminhar o vídeo para análise.

Nas falas transcritas em documentos da AGU, Bolsonaro reclama de não receber “informações” da Polícia Federal e da inteligência das Forças Armadas e diz que vai “interferir”. O presidente também afirma que não esperará alguém prejudicar “sua família toda de sacanagem” porque não poderia “trocar alguém da segurança na ponta da linha”.

Segundo a AGU, estas seriam as declarações pertinentes às acusações do ex-ministro da Justiça Sergio Moro sobre a interferência do presidente na direção da PF e na superintendência da corporação no Rio.

No mesmo documento, a AGU se manifestou favorável à divulgação de “todas” as falas de Bolsonaro na reunião, com exceção daquelas sobre outros países, chamados de “nações amigas” no pedido. O órgão também pediu o sigilo sobre tudo o que foi dito por outros participantes da reunião.

fonte: cnnbrasil.com.br

Piauí: Dono de posto de lavagem é preso suspeito de participar de dois assaltos a bancos no Piauí

Sede do Greco, em Teresina. — Foto: Gilcilene Araújo/G1

Um proprietário de um posto de lavagem de veículos foi preso na manhã de ontem (21), na Região da Usina Santana, Zona Sudeste de Teresina, suspeito de participar de dois assaltos a bancos no Piauí.

Os crimes aconteceram nas cidades de Joaquim Pires, em dezembro de 2019, e em Murici dos Portelas, em janeiro deste ano.

Segundo o coordenador do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), delegado Tales Gomes, participaram dos assaltos mais três homens. Um deles foi preso no início do ano, durante uma operação policial que apreendeu um fuzil de fabricação norte-americana em um sítio na zona rural da capital.

O segundo suspeito de integrar o grupo responsável pelos dois roubos morreu na cidade de Joselândia (MA), após reagir a uma prisão. Já o terceiro, conhecido como ‘Tião’, conforme o delegado Tales Gomes, ainda se encontra foragido da polícia.

Conforme o Greco, todos eles foram indiciados pelos crimes de roubo e organização criminosa.

Crimes

Em dezembro de 2019, criminosos explodiram um posto de atendimento do Banco do Brasil na cidade de Joaquim Pires. Durante a ação, o grupo chegou a trocar tiros com a polícia militar do município. Em janeiro deste ano, os assaltantes explodiram um caixa eletrônico de uma agência do Banco Bradesco em Murici dos Portelas. Eles não conseguiram abrir o cofre do terminal, e fugiram sem levar dinheiro.

Fonte: g1.globo.com/pi

Pedreiras: Exclusivo: Prefeito diz que comércio pode abrir gradativamente e que novo Decreto será publicado amanhã

Antônio França de Sousa – Prefeito de Pedreiras/Foto: Sandro Vagner

Após tomar conhecimento da matéria, que destacou um ofício enviado ao seu gabinete, através da ACIAP, CDL e SINDLOJAS, o prefeito de Pedreiras, Antônio França, concedeu uma entrevista exclusiva ao Blog, destacando alguns assuntos, inclusive, sobre a abertura gradativa do comércio. Falou sobre o novo decreto Municipal que será publicado amanha (22), mas com validade a partir da próxima segunda-feira (25) e como a gestão está agindo diante da pandemia da Covid-19.

Blog – Prefeito, como o senhor recebeu esse ofício, um apelo dos empresários que querem voltar às atividades com algumas restrições?

Prefeito – Eu quero aqui já agradecer sua disponibilidade para essa informação. Recebemos o documento, sim, mas vamos está avaliando o documento, no tocante à reabertura do comércio e não sexta-feira (22), vamos nos reunir com nossa equipe para sabermos quais decisões deveremos tomar a partir de segunda-feira (25). Estamos avaliando toda a situação, tanto hospitalar, posto de saúde, como está fluindo nesse momento a questão do atendimento dos pacientes que estão internados, e esse fluxo de pessoas, é um norte que nós temos que tomar alguma decisão. Inclusive a Associação dos Camelôs do Beco do Paraíba, já se manifestou, solicitando também a abertura do comércio para buscar seu sustento e seu alimento, mas vamos avaliar isso com bastante calma, para que assim possamos tá tomando a decisão, na qual venha com muito equilíbrio. Desde o primeiro momento eu sempre me coloquei muito claro em conversar com as entidades, onde sempre tomamos decisões, sempre ouvindo os dois lados, e vamos está analisando o documento para que assim saibamos qual o caminho estarmos seguindo a partir de segunda-feira (25). Queremos deixar bem claro que a nossa vontade era de está com o comércio aberto, com o fluxo de pessoas muito grande no nosso Município, mas é um momento que requer muito cuidado. Tomamos algumas medidas que tem dado resultado positivo, como a questão da tenda, onde conseguimos organizar e equilibrar o fluxo de pessoas no setor central da cidade, e a reabertura do comércio, ela pode trazer mais pessoas pra nossa cidade, mas de acordo com o documento que eles apresentaram, eles sempre cumpriram com a situação de está se higienizando, mantendo a organização, com isso, podemos está avaliando a situação a ser tomada. É importante que a população tenha a consciência, que, cada um fazendo a sua parte, podemos sim, aos poucos, voltar à vida normal. Percebo, graça a Deus, que essa semana as coisas melhoraram, e nesses dois últimos dias não tivemos óbitos em nosso Município, as internações ficaram equilibradas e as pessoas estão tomando consciência, e creio que dar pra gente, em pouco tempo, está mais tranquilos quanto ao que está acontecendo.”

Blog – O senhor vai baixar um novo Decreto Municipal?

Prefeito – Posso sim, tá baixando um Decreto amanhã (22), mas não pra valer a partir de amanhã, mas com validade a partir da segunda-feira (25).

Blog – No novo Decreto pode ser proibida a venda e o consumo de bebidas alcóolicas, assim como em outros Municípios?

Prefeito – Vamos analisar, o nosso Município ainda não fez isso, vamos aguardar esses dias pra ver o que pode está somando pra a amenizar a situação do fluxo de pessoas e estaremos discutindo isso com a nossa equipe.

Blog – O senhor tem o mesmo pensamento dos empresários de Pedreiras, que essa grande aglomeração na cidade se deu em virtude do benefício à população, através do governo federal?

Prefeito – Fica bem claro que esse movimento nos bancos é um dos maiores problemas que nós temos, não só em Pedreiras, mas em todo o Brasil, por que esse volume de recurso foi jogado pra tentar amenizar a situação da fome e acabou que levando a doença pra muitos outros Municípios, que, por exemplo, o nosso Município é um Município pólo e com certeza muitos outros Municípios trouxeram a doença, assim como também levaram, principalmente, pra Municípios pequenos, por conta desse trânsito de pessoas de um lado pra outro, então eu creio que o maior problema que tivemos aqui em Pedreiras, não foi o comércio, tenho certeza que não foi, o problema foi a questão dos bancos, até porque não está um bom momento pra o comércio, então o volume de pessoas entrando e saindo no comércio, de certa forma, é bem menor do que em momento normal, mas esses bancos com certeza, com os recurso que foram jogados de um lado para o outro foi o mais agravante.

Blog – Esses atendimentos por parte da saúde melhorou a situação da população?

Prefeito – Mediante o que está acontecendo agora essa semana, a gente percebe que a coisa começa a mudar, foi uma semana bem diferente da semana passada, onde esses dois dias não tivemos internações, apenas nas residências onde estamos trabalhando coma equipe de Home Care, que ainda está em aperfeiçoamento, esse trabalho, de certa forma, graças a Deus a gente tá aprimorando e está dando certo, creio que foi um dos grandes avanços em nosso atendimento, temos atendimento também com Office Boy, que está entregando a medicação de acordo com as prescrições médicas, enfim, tem todo um acompanhamento em casa, onde de certa forma as pessoas ficam mais tranquilas , e orientando pra que a pessoa possa a cada dia está se precavendo, buscando fazer com que se mantenha em casa, se mantenha higienizado, para que assim o vírus não venha se propagar com mais força, onde sabemos que é um vírus muito violento.

Blog – O que senhor diria nesse momento à população pedreirense?

Prefeito – Dizer ao povo de Pedreiras, que nós, desde o primeiro momento, que começou a surgir o casos aqui, até mesmo antes de acontecer, a gestão já vinha se preocupando, e pra isso, fomos montando estratégias de acordo com o que ia acontecendo, para que pudéssemos está aprendendo dentro da situação, onde, não só Pedreiras , mas todo o Brasil, aprendendo com cada situação, com cada paciente que nós atendíamos, era uma ação diferenciada, e com isso, os nossos médicos, os nossos profissionais, os nossos salva-vidas, como dizemos, estão buscando fazer o melhor pra nossa sociedade. Fica nossa mensagem para que as pessoas tenham consciência, que não adiante ter polícia na rua, vigilância sanitária, prefeito baixando Decreto, governador fechando cidade, enfim, quem tem que tomar as providências somos nós mesmos, cada um tomar de conta de sua própria vida, para que assim nós possamos está vencendo essa batalha.

Blog – Obrigado, Prefeito Antônio França, pela entrevista.

Prefeito – Sandro, eu que agradeço a sua disponibilidade e quero dizer que eu estou à sua disposição, e torcer para que nós possamos sair juntos, vencedores dessa batalha. Muito obrigado e que Deus possa nos abençoar, e nossas vidas possam voltar ao normal.

A entrevista com o Prefeito de Pedreiras, Antônio França de Sousa, foi realizada via WhatsApp.

Pedreiras: ACIAP, CDL e SINDLOJAS solicitam ao prefeito Antônio França a reabertura do comércio

 

O pedido para a reabertura do comércio em Pedreiras foi oficializado ontem (20), pelas entidades empresariais: ACIAP (Associação Comercial Industrial e Agrícola de Pedreiras), CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Pedreiras) e SINDILOJAS (Sindicato do Comércio Varejista de Bens e Serviços de Pedreiras e Região). Segundo o ofício, as entidades estão atendendo diversas reivindicações de seus associados, que participaram de uma reunião por vídeo conferência, totalizando mais de 50 (cinquenta) lojistas e prestadores de serviços.

A categoria levou ao conhecimento dos presidentes das entidades todas as dificuldades que são enfrentadas durante a manutenção do fechamento do comércio, obedecendo os Decretos Municipais de autoria do Poder Executivo.

Veja parte do texto onde todos se comprometem em manter as determinações, incluindo o pedido da abertura do comércio de Pedreiras, a partir desta quinta-feira (21), e com novo horário de funcionamento.

Nesse sentido, nosso apelo é que seja liberado a reabertura do comércio de Pedreiras e também dos prestadores de serviços afetados pelos decretos acima citados, a partir da próxima quinta-feira, dia 21/05/2020, no horário das 8:00 às 14:00h de segunda a sábado.

Em contra partida, as entidades representativas que este subscrevem se comprometem a cobrar de seus associados o cumprimento incondicional de todas as medidas sanitárias necessárias para preservar a saúde dos clientes e colaboradores, adotando medidas de limpeza permanente do ambiente de trabalho, mantendo distanciamento entres os mesmos e facilitando pra que tenham acesso a água e sabão ou álcool em gel para higienização das mãos, uso
obrigatório de máscaras, além de controlar o acesso dos clientes para evitar aglomerações, bem como não realizar qualquer tipo de campanha promocional durante esses dias.

Certos da atenção que será dispensada ao presente na medida de sua importância e pela urgência que o momento requer, colocam-se estas entidades a disposição para prestar outros esclarecimentos se necessários.

Quanto à fiscalização, segundo informações, serão os próprios empresários que se encarregarão de fiscalizar um ao outro.

Sobre as grandes aglomerações, entendem os empresários, que, isso vem acontecendo devido o governo federal ter oferecido o auxílio benefício, onde a maioria do público vem de outros municípios, mas sem influência da abertura do comércio em Pedreiras, onde as lojas tem as datas que aumentam, com certeza, o grande número de clientes, mas com tudo que vem acontecendo, devido a pandemia, eles estão se preparando para evitar que isso venha contribuir com o aumento da proliferação da Covid-19.

Baseados na flexibilização da abertura do comércio, por categoria, através do governo do estado, a categoria acredita no bom senso do gestor municipal, para que isso venha acontecer em Pedreiras o mais breve possível.

Novo Decreto

O Blog ficou sabendo que amanhã (22), o Prefeito de Pedreiras, Antônio França, estará editando um novo decreto, que pode, inclusive, flexibilizar a abertura do comércio de Pedreiras, atendendo a solicitação das entidades empresariais, com novas regras e uma fiscalização mais rigorosa.

Vamos aguardar.

Veja a íntegra do ofício dos empresários.

Clique Aqui

  • siga-nos no facebook

  • Clique no flyer e acesse o site da FAESF

  • CH Distribuidora (Carlos Humberto) São Luís – MA/Entre em contato: (98) 98406-2630

  • Vitorino Net

  • Acesse nossa página. Clique no banner

  • Connect Pedreiras

  • FEMAF – Visite o site. Clique no banner

  • Pedreiras Grand’ Hotel – Para pessoas que buscam tranquilidade, conforto, bons serviços e clima agradável

  • Vice-prefeito de Pedreiras. Acesse nossa página no Facebook. Clique no Flyer

  • LOJA DOIS PAPELARIA O MAIOR MIX DE PAPELARIA DE PEDREIRAS – AV. RIO BRANCO – CENTRO

  • Wikreative – (99) 98103-4204 – Clique no flyer e tenha mais informações

  • IPEDE – Rua Eurico Ribeiro, 501 – Centro, Pedreiras – MA/(99)98124-3014

  • Venha nos visitar!

  • Óticas Diniz

  • Telefones Úteis

    WhatsApp da PM (99) 8156-5426 Tenente do Dia (99) 98174-3547 Sargento do Dia (99) 98140-4154
  • Google Adsense

  • downloadfilmterbaru.xyz nomortogel.xyz malayporntube.xyz