Logo

Pedreiras: Associação “Sagrado Coração de Jesus” contempla duzentas famílias sem casas

Foto: Sandro Vagner

Na manhã deste domingo (05), no Centro de Convivência dos Idosos, no bairro do Diogo, em Pedreiras, representantes de 200 (duzentas) famílias assinaram um compromisso com a Associação “Sagrado Coração de Jesus”, para adquirirem lotes onde serão construídas as casas, que segundo o presidente Douglas Silva Santos, serão beneficiadas famílias que moram de aluguel. Cada contemplado terá direito a um lote com 8m (oito metros) de frente e 20m (vinte metros) de comprimento, no valor de R$ 1.000,00 (hum mil reais).

Douglas reforçou que a Associação dos Moradores não será responsável pela construção das casas. O presidente informou, que, as famílias que não conseguirem construir a casa de alvenaria, a diretoria, futuramente, irá correr atrás de um projeto, via governo federal, para que todos tenham o direito de ter sua casa de alvenaria.

O terreno adquirido pela Associação do Moradores “Sagrado Coração de Jesus”, mede seis hectares, fica localizado na estrada que dá acesso ao Povoado São Manoel. A parte de infraestrutura, como por exemplo, água e energia, Douglas disse que provavelmente terá parcerias com os governos Estadual e Municipal, que devido ser impossibilitado o acesso da canalização da CAEMA, um poço será perfurado no local.

Douglas Silva Santos – Presidente da Associação dos Moradores “Sagrado Coração de Jesus”/Foto: Sandro Vagner

É muito tempo, mas se você não insistir, você não consegue.” Disse o presidente da Associação dos Moradores “Sagrado Coração de Jesus”, Douglas Silva Santos.

Arquivo do Blog/Foto: Sandro Vagner

Para quem não lembra, essas famílias, que finalmente conseguiram realizar o sonho de construir sua casa própria, foram por duas vezes retiradas de um terreno na entrada da cidade de Pedreiras, ao lado da “Santinha”, que pertence à prefeitura, onde chegou a ser denominado Bairro João do Vale. 

Minha Casa, Minha Vida

No mesmo local, outras 600 (seiscentas) famílias assinaram formulários, para dar entrada na Caixa Econômica Federal, para ter sua casa própria, através do Programa do Governo Federal, “Minha Casa, Minha Vida”. Três Associações que estão habilitadas no Ministério das Cidades, irão executar o empreendimento na cidade de Pedreiras. Dessa quantidade, 100 (cem) famílias que fazem parte da Associação dos Moradores “Sagrado Coração de Jesus”, conseguiram ter o cadastro aprovado para adquirir uma das casas.

Charles de Santana, representante das Associações, disse que, o Município de Pedreiras, através do CRAS e da Secretaria de Assistência Social, foi responsável por toda logística de cadastro das famílias que se encaixam no Programa.

Charles de Santana – Representantes das Associações Dom Pedrense, Centrinho e Vila Cordeiro (Dom Pedro – MA)/Foto: Sandro Vagner

Uma vez, que você protocolou esse empreendimento, que são seis empreendimentos de cem, todos vão ser mandados pra Brasília, para o Ministério, pra ser analisados, tudo que foi protocolado, a parte de engenharia, urbanística, esgoto, energia, água; parte social, arquitetônico, que é o projeto da casa, pavimentação asfáltica, meio-fio, tudo será analisado pela equipe técnica do Ministério das Cidades. Uma vez que a família atendeu a todos os requisitos, aí, vem o contrato “mãe” que chamam, autorizando a contratação, e a agência da CEF, vai gerar os contratos “filhos” que são os contratos individuais, que após assinados serão devolvidos para a Caixa Econômica, onde será gerada a demanda, ou seja, o valor do empreendimento, e, após as associações, junto com os representantes de empreendimento, que são CRE e CAL, que cada comissão dessa, representa os cem, pra trabalhar junto com o financeiro, obra, e a entidade, pra ficar uma coisa mais amarrada e segura, e, aí, após abrir essa conta, começa-se os repasses da primeira parcela, para fazer a infraestrutura para fazer a limpeza da área, e, só, em seguida, quando a Caixa Econômica atestar, que ali naquela área já tem habitabilidade e tudo, começa-se os loteamentos e as unidades. Então, é um processo que pode durar, de um a dois anos, após iniciar.” Disse Charles de Santana, representantes das três Associações.

As casas serão construídas às margens da MA – 381, Rodovia João do Vale, que liga Pedreiras à Joselândia.

Pelos menos, já é o começou de um sonho de muitas famílias, ter a casa própria. 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

  • siga-nos no facebook

  • Prefeitura de Lima Campos – Clique no banner e visite nossa página

  • Pedreiras Grand’ Hotel – Para pessoas que buscam tranquilidade, conforto, bons serviços e clima agradável

  • Clique no flyer e acesse o site da FAESF

  • Clínica CardioMais – Excelência em Tudo/Rua Maneco Rêgo, 854 – Pedreiras/(99)99182-4989

  • Connect Pedreiras

  • Clique na logo e visite nossa página

  • Venha nos visitar!

  • Vitorino Net

  • LOJA DOIS PAPELARIA O MAIOR MIX DE PAPELARIA DE PEDREIRAS – AV. RIO BRANCO – CENTRO

  • Telefones Úteis

    WhatsApp da PM (99) 8156-5426 Tenente do Dia (99) 98174-3547 Sargento do Dia (99) 98140-4154
  • downloadfilmterbaru.xyz nomortogel.xyz malayporntube.xyz