Logo

Pedreiras: Durante entrevista o Padre José Geraldo define o verdadeiro sentido do Natal

Padre José Geraldo – Reitor do Santuário de São Benedito/Foto: Sandro Vagner

Queridos Leitores, o Natal está chegando e o nosso Blog entrevistou o Pe. José Geraldo que com palavras simples nos tocam profundamente para resgatarmos o verdadeiro sentido do Natal.

BLOG: Pe. José Geraldo Teófilo o que realmente celebramos no Natal?
PADRE: Natal é a festa na qual os cristãos celebram o nascimento de Jesus de Nazaré, o Filho de Deus que se fez homem nascendo em Belém, conforme os relatos dos Evangelhos.

BLOG: Nós sabemos que muitos esqueceram o sentido do Natal e o que o Senhor nos diz?
PADRE: É verdade que a maioria da humanidade não conhece mais a história daquele que nasceu para trazer a salvação para todos. Até muitos cristãos, neste período, só pensam nos presentes e nas ceias natalinas. Mas é verdade, também que muitas pessoas de boa vontade estão se preparando para celebrar o grande evento que mudou o rumo da história.

BLOG: Muitos falam que Jesus não nasceu precisamente no dia 25 de dezembro. O que o senhor esclarece a respeito disso?
PADRE: A celebração do Natal se dá em 25 de dezembro e remonta ao ano 336. Não se sabe o dia exato em que nasceu Jesus. Na sua época não era costume comemorar data de nascimento das pessoas, não se guardavam estas datas. O Natal começou a ser celebrado nesse dia para indicar que Jesus é o Sol, a luz do mundo que vence as trevas e trazendo a vida. Isso porque nesta data, no Império Romano, se comemorava o deus Sol. Era festa pagã, do solstício de inverno no Hemisfério Norte, ou seja, o dia em que o Sol estava mais ‘fraco’ para começar a ficar mais ‘forte’ em seguida. Esta festa pagã foi substituída pela festa cristã do Natal.

BLOG: E como os cristão vêem isso, será que eles aceitam analogia?
PADRE: Ao comemorar o nascimento de Jesus nessa data, os cristãos fazem uma analogia. Com Jesus surgiu para a humanidade a verdadeira luz, mais brilhante que o Sol, o qual vence a noite e ressurge glorioso no céu com mais força.

BLOG: Uma noite de Natal, o Senhor falou que a humanidade está esquecendo o aniversariante, ainda permanece essa reflexão?
PADRE: Hoje em nossa cultura tecnológica altamente desenvolvida e secularizada, na qual o homem se coloca no lugar de Deus prescindindo Dele, qual o sentido de comemorar o nascimento do menino Deus? O Natal neste contexto deixou de lado seu significado profundo e altamente positivo, de constatar que Deus, o criador, vem e se torna humano, um de nós. O Natal para alguns hoje se tornou uma festa folclórica, impulsionada pelo mercado, no qual se compram e se vendem presentes, esquecendo-se do aniversariante.

BLOG: Ainda pode haver sentimento Natalino?
PADRE: Não podemos, porém ser pessimistas: O Natal continua a ser um acontecimento no qual “Deus nasce no meio dos pobres para enriquecer-nos com sua pobreza”, conferindo uma dignidade ímpar ao ser humano e nós sabemos que o nascimento de Jesus já tocou o coração de milhões de pessoas e neste ano poderá transformar o nosso. Há sentido, sim, em comemorar o Natal quando se admite o significado da pessoa e da mensagem de Jesus na história passada, presente e futuro da humanidade. A mensagem de amor, fraternidade e tolerância que permeia o Natal é e será sempre atual. Por dois milênios nossa cultura ocidental pautou-se pelos princípios cristãos e pelo que o Cristianismo conservou de outras culturas.

BLOG: O que o Senhor tem a nos dizer que o Natal hoje é considerado um tempo de “Vazios”?
PADRE: Hoje, sobretudo, o Natal tem sentido, em uma realidade social chamada por alguns filósofos de “era do vazio”, na qual as pessoas, não obstante as muitas facilidades tecnológicas, sentem dificuldades de se comunicar nos aspectos pessoal e humano. Cresce o número de suicídios, cresce o numero de divórcios, cresce o numero de jovens drogados, cresce o numero de abandonados. Celebrar o nascimento de Jesus é celebrar a esperança no sentido da vida. É trazer Deus de volta para habitar a humanidade para que ela se encontre e se salve de si mesma, abrindo-se para a verdadeira realidade.

BLOG: Pe. O Senhor acha que a gente muda as Pessoas?
PADRE: Não. As pessoas mudam por si. Agora podemos favorecer meios e situações para que a pessoa decididamente mude. Eu sempre me pergunto: O que estamos fazendo no mundo e como se faz para viver plenamente a vida? A resposta encontra-se dentro de cada um de nós. Gosto muito de uma das frases de santa Teresinha: “È incrível como o meu coração me parece grande quando considero os bens deste mundo, por quantos todos reunidos não o poderiam contentar; quando, porém, considero Jesus, como o meu coração parece pequenino!”

BLOG: Pe. Deixe aqui sua mensagem de Natal.
PADRE: É natal, Alegremo-nos. Não pode haver tristeza no dia em que nasce a vida! É ela que aclara nossos caminhos, suaviza os sentimentos, conforta nossa esperança e fortifica a Fé, humaniza os relacionamentos, No ano Novo curve-se diante da beleza da Vida, ame-a e respeite-a, o deslumbrante espetáculo da vida é construído pelo mesmo Deus que habita em você. A Todos os leitores uma Bênção especial.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

  • siga-nos no facebook

  • Prefeitura de Lima Campos – Clique no banner e visite nossa página

  • Pedreiras Grand’ Hotel – Para pessoas que buscam tranquilidade, conforto, bons serviços e clima agradável

  • Clique no flyer e acesse o site da FAESF

  • Clínica CardioMais – Excelência em Tudo/Rua Maneco Rêgo, 854 – Pedreiras/(99)99182-4989

  • Connect Pedreiras

  • Clique na logo e visite nossa página

  • Venha nos visitar!

  • Vitorino Net

  • LOJA DOIS PAPELARIA O MAIOR MIX DE PAPELARIA DE PEDREIRAS – AV. RIO BRANCO – CENTRO

  • Telefones Úteis

    WhatsApp da PM (99) 8156-5426 Tenente do Dia (99) 98174-3547 Sargento do Dia (99) 98140-4154
  • downloadfilmterbaru.xyz nomortogel.xyz malayporntube.xyz