Pedreiras: Presidente da Câmara de vereadores se pronuncia após comentários sobre compra de um bafômetro

Sessão ordinária/Foto: Sandro Vagner

Apesar de legal, o pedido de aquisição de um bafômetro, durante a sessão ordinária de ontem (26), por vereadores considerados de oposição, com apoio de três colegas e aprovado por unanimidade, a notícia foi recebida pela população de Pedreiras, como chacota e piada nas redes sociais. 

Diante dos comentários negativos sobre a situação, o presidente da Câmara, vereador Bruno Curvina (PDT), se pronunciou hoje(27) pela manhã, dizendo-se envergonhado com o que teria acontecido. O desabafo do parlamentar foi através de uma entrevista concedida ao Blog, quando afirmou que, se ele estivesse presente, a resolução não teria entrado em pauta. Bruno Curvina aproveitou para justificar sua ausência na sessão, devido ter que viajar a capital maranhense, para tratar de assuntos urgentes.

Vereador Bruno Curvina (PDT) – Presidente da Câmara de vereadores de Pedreiras – MA/Foto: Sandro Vagner

Ainda constrangido, o presidente da câmara decidiu tomar a seguinte medida, onde o mesmo fez questão de postar, também, em redes sociais, sobre o que poderá acontecer com os parlamentares que se envolveram em tal situação, durante as sessões na casa do povo. 

Veja na íntegra a nota do vereador Bruno Curvina.

Bom dia! O presidente da câmara municipal, em uso de suas atribuições, em virtude das denúncias sobre embriaguez durante a sessão , irá advertir por escrito os 02 ( dois) vereadores que foram flagrados com hálito etílico durante a sessão. Em caso de recorrência, será movido processo por falta de decoro, e eventual cassação de mandato.”

Pelo visto, na próxima sessão, os ânimos irão se alterar. Vamos aguardar o que poderá acontecer no parlamento pedreirense, afinal, a Casa do Povo merece respeito.

Deixe uma resposta